A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

20/01/2014 21:50

Polícia da Espanha investiga dois pelo assassinato de jovem de MS

Lidiane Kober

Além do namorado, surgiu um segundo suspeito pelo assassinato de Patrícia Souza Leal, 28 anos, na Espanha. Segundo a tia da jovem, Sandra de Souza Pereira Reis, 34 anos, a polícia espanhola informou monitorar outra pessoa, mas não deu detalhes do caso para não vazar a informação e atrapalhar as investigações.

“Outra pessoa está na mira da polícia, mas eles pediram para manter sigilo”, disse a tia da jovem morta. Ela informou ainda que o corpo da sobrinha será liberado apenas quando o assassino for descoberto e preso. “Pode demorar uma semana, um mês ou até um ano”, comentou.

Para transportar o corpo de Madrid até São Paulo, a família precisará pagar R$ 17 mil. Inicialmente, eram necessários R$ 45 mil, mas o consulado brasileiro na Espanha conseguiu reduzir o valor do translado.

Com renda mensal de um salário mínimo, a mãe da jovem, a cozinheira Eva de Souza Nazarette, 43 anos, não tem condições de bancar o transporte. Ela faz campanha para arrecadar o montante. Interessados em contribuir podem fazer depósito na agência 1101-0 do Bradesco, na conta corrente 2445-7.

História – Para realizar o sonho de montar uma loja de roupas em Dourados, Patrícia trabalhava há cerca de oito anos em Madrid. Ela começou atuando em uma loja de sapatos, mas o salário era baixo, então começou a trabalhar de babá. Atualmente, ela cuidava de duas crianças.

Segundo a mãe, a jovem já tinha parte do dinheiro para montar a loja e tinha planos de voltar ao Brasil em 2015. “A minha filha era muito trabalhadora e se dava bem com todos”, disse a mãe.

A babá foi encontrada, na noite de quarta-feira (15), morta a facadas. O chefe de Patrícia estranhou a falta dela no trabalho, então, ligou para um amigo da jovem, que foi até a casa e a encontrou morta embaixo do chuveiro. Os amigos suspeitam do namorado, que tinha um relacionamento com ela há dois meses.

Família diz que jovem morta na Espanha ia voltar a MS após oito anos
Em entrevista a imprensa de Dourados, a 233 quilômetros da Capital, a cozinheira Eva de Souza, 43 anos, disse que a filha Patrícia Souza Leal, 28, en...
UFGD oferece vagas em 36 cursos de graduação pelo Sisu
A UFGD (Universidade da Grande Dourados) está ofertando 944 vagas em 36 cursos de graduação para o Sisu (Sistema de Seleção Unificada). As inscrições...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions