A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

26/04/2015 11:32

Prazo para regularizar situação eleitoral encerra no dia 4 de maio

Kleber Clajus

A Justiça Eleitoral promove, até 4 de maio, a regularização de eleitores que não votaram nas últimas três eleições, justificaram ausência ou pagaram multa no período. Em Mato Grosso do Sul, ao menos 34 mil estão irregulares e correm o risco de ter o título de eleitor cancelado.

De acordo com a assessoria do TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral), o processo para regularização pode ser realizado nos cartórios eleitorais. É necessário apresentar-se com o próprio título de eleitor e documento oficial com foto. Caso haja multa, essa será informada.

Caso as pendências não sejam regularizadas, o documento eleitoral será cancelado e pode resultar no impedimento do cidadão em emitir passaporte, documento de identidade, contratar modalidades de empréstimo, tomar posse de vaga conquistada em concurso público, renovar matrícula em instituição de ensino pública e até mesmo receber salários, quando se tratar se função ou emprego público.

O prazo adotado consta na Resolução 23.419 do TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Temer veta projeto sobre negociação coletiva no serviço público
O presidente Michel Temer vetou integralmente o Projeto de Lei nº 3.831/15, aprovado pelo Congresso Nacional, que estabelecia normas para a negociaçã...
UFMS divulga edital do vestibular para ingresso em cursos de graduação
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) divulgou, nesta segunda-feira (18), edital do processo seletivo do vestibular para ingresso em cu...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions