A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 22 de Janeiro de 2019

19/12/2018 09:10

Prestação de contas da PM revela 16,7 mil ações em 2018 e queda nos crimes

As operações dos últimos 11 meses abordaram 769 mil pessoas abordadas e conduziram 27 mil a delegacias

Danielle Valentim
Acosta durante divulgação de dados na Câmara Municipal de Campo Grande. (Foto: Danielle Valentim)Acosta durante divulgação de dados na Câmara Municipal de Campo Grande. (Foto: Danielle Valentim)

O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Waldir Ribeiro Acosta, apresentou estatísticas que apontam redução no número de crimes em Mato Grosso do Sul em 2018. Na prestação de contas divulgada, durante sessão na Câmara Municipal de Campo Grande, nesta terça-feira (18), dados também informaram que foram realizadas 16,7 mil operações nos últimos 11 meses, no Estado.

Balanço da Sejusp (Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública) indica que o índice de roubo a estabelecimentos comerciais caiu 28% de janeiro a novembro deste ano se comparado ao mesmo período do ano passado. Foram 668 crimes do tipo em 2017 e 482 agora neste ano.

Os roubos a residências também reduziram 20%, passando de 493 para 392. Os roubos a veículos, segundo o comandante da PM, também tiveram queda de 16%, passando de 823 no ano passado para 688 em 2018.

Os dados apresentados pela Polícia Militar também mostram queda de 14% no índice geral de roubos, sendo 10 mil registros em 2017 e 8,6 mil em 2018. Além da redução de 5% na quantidade de furtos ocorridas nos 11 primeiros meses desse ano, em comparação com mesmo período do ano passado, quando foram registrados 37,1 mil e 35,2 mil, neste ano.

Acosta fez ainda a prestação de contas sobre as operações da Polícia Militar no período de 1° de janeiro a 16 de dezembro deste ano em todo Estado. Foram 16,7 mil operações, 769 mil pessoas abordadas e 27 mil conduzidas a delegacias, 946 armas de fogo apreendidas, além de 169,5 toneladas de drogas apreendidas.

“Estamos aqui prestando contas. Nosso gabinete está aberto. Mensalmente temos reuniões para discutir o que pode ser feito para reduzir a criminalidade”, afirmou o comandante.

(Arte: PM)(Arte: PM)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions