ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEXTA  07    CAMPO GRANDE 29º

Cidades

Projeto de lei da Assembleia quer prevenir morte de recém-nascidos

Iniciativa é do deputado Marcio Fernandes (MDB) e prevê treinamento de primeiros socorros para os pais e responsáveis

Por Izabela Sanchez | 19/06/2018 14:54
Projeto é de autoria do deputado Marcio Fernandes (Divulgação/Alms)
Projeto é de autoria do deputado Marcio Fernandes (Divulgação/Alms)

Com treinamento para pais e responsáveis, um projeto de lei da Alms (Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul) quer prevenir a morte de recém-nascidos. O Projeto é do deputado estadual Marcio Fernandes (MDB), e quer evitar casos como engasgamentos ou aspiração de corpos estranhos, causas comuns de morte de bebês.

Para o deputado, muitos casos podem ser evitados com o treinamento.“Muitas vezes os pais não tem ideia do que fazer, como proceder para salvar o bebê. Medidas simples podem fazer a diferença em momentos de aflição”, afirmou.

O projeto prevê que hospitais e maternidades de Mato Grosso do Sul deverão oferecer aos pais e responsáveis as orientações antes da alta do recém-nascido. Os hospitais também deverão informar aos pais sobre a existência e disponibilidade do treinamento presencial.

A asfixia é a primeira causa de morte, entre os acidentes, de crianças com até um ano no Brasil. Os casos podem ser consequências de diversos fatores, entre eles a obstrução mecânica das vias aéreas, quando o bebê engasga com líquidos, alimentos ou pequenos objetos.

O projeto ainda deve passar por votação na Assembleia, antes de seguir para aprovação do Governo e se tornar lei.