A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

31/03/2010 07:19

Promotor pedirá a condenação de Cido a 43 anos de prisão

Redação

O promotor Douglas Oldegardo Cavalheiro dos Santos vai pedir a condenação do José Aparecido Bispo dos Santos, o Cido, a 43 anos de prisão pelo assassinato do estudante Luiz Eduardo Martins Gonçalves, o Dudu, ocorrido em 22 de dezembro de 2007.

O julgamento começou às 8h, na 2ª Vara do Tribunal do Júri, em Campo Grande, que está lotado. Familiares de Dudu chegaram com cartazes pedindo justiça. Os cartazes não puderam ser levados ao plenário, mas foram exibidos na entrada do Fórum. Um deles cita o Caso Nardoni para pedir a condenação do acusado.

O ex-padrasto é acusado de ser o mandante do crime e será julgado por júri popular nesta quarta-feira. A acusação pedirá a sua condenação por homicídio triplamente qualificado, motivo torpe, meio cruel e impossibilidade de defesa da vítima, com os agravantes de destruição de cadáver e ser menor de 14 anos.

Santos exibirá dois vídeos durante o julgamento, que não terá testemunhas de defesa e acusação. Ele mostrará uma matéria jornalística sobre a angústia da família e outra sobre o esclarecimento do desaparecimento do menino pela Polícia Civil.

Sobre a alegação da defesa de que o laudo não é conclusivo, Douglas Santos afirmou que alegará a destruição do cadáver da criança pelos criminosos.

Conforme a polícia, o corpo do menino foi cortado a machadada em mais de 700 pedaços. Além disso, foi queimado e enterrou, onde só foi encontrado quase um ano depois.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions