A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

23/02/2010 11:40

Roubo de caminhão leva empresário a mudar de ramo

Redação

"Estou bem desanimado. Não dá para trabalhar mais com isso não. Quero partir para outra coisa", lamenta o empresário Leonardo Vicente Costa, 52 anos. Há 15 anos no setor de mudanças, ele pensa em mudar de atividade.

A hipótese começou a ser estudada esta manhã, depois do assalto em que o motorista da empresa LC Mudanças teve a casa invadida e perdeu um caminhão avaliado em R$ 60 mil.

Costa revela que o motorista estava em casa, na Rua Iracema, Bairro Guanandi, quando três assaltantes armados e encapuzados invadiram o imóvel onde o caminhão passaria a noite. O veículo ficou na residência porque o trabalhador havia chegado de viagem e hoje tinha outro serviço.

Ele e toda a família foram rendidos. Os bandidos amarraram as vítimas, que foram trancadas em um quarto.

Os marginais tentaram ligar o veículo e, como não conseguiram, tiveram de soltar o motorista para fazer o caminhão funcionar. O quarto assaltante também chegou ao local para dar suporte à ação.

Depois de ligar o veículo, o caminhoneiro foi devolvido ao quarto, onde todos ficaram até que os ladrões saíssem da casa. Somente à 1 hora de hoje, ele teve coragem de se soltar.

Até o carro Chevette do motorista foi levado e os alimentos da geladeira consumidos.

O empresário conta que esta é a segunda vez que um caminhão da empresa é roubado. Ele explica que o veículo não tem seguro devido ao alto custo.

Para mudar de ramo, ele terá de vender os outros 15 veículos da frota. No entanto, ele prefere adotar a medida a ter algum problema com a família, já que também mora no Bairro Guanandi, onde houve o roubo e onde a empresa é instalada. "Aqui ficou muito violento", finaliza.

Inscrições para o Vestibular 2018 da UFMS seguem abertas
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...
Autorização para psicólogos aplicarem terapia de reorientação sexual é mantida
O juiz Waldemar Cláudio de Carvalho, da 14ª Vara Federal de Brasília, decidiu hoje (15) tornar definitiva a decisão liminar (provisória) que havia pr...
Clientes de banco podem renegociar dívidas no "Caminhão do Quita Fácil"
A partir de segunda-feira (18), clientes das agências da Caixa de Campo Grande terão a possibilidade de renegociar suas dívidas atrasadas há mais de ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions