A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

17/07/2013 08:41

Santa Casa demite funcionário que cobrou para facilitar cirurgia pelo SUS

Edivaldo Bitencourt e Nadyenka Castro

A Santa Casa de Campo Grande demitiu, no início deste mês, um funcionário acusado de cobrar propina para facilitar a realização de uma cirurgia cardíaca. O paciente era estrangeiro, segundo apurou o Campo Grande News.

Ele trabalhava no hospital desde 2004. Neste período, o trabalhador chegou a ser demitido pela mesma situação, cobrar para facilitar a inclusão do paciente no atendimento do Sistema Único de Saúde (SUS).

Pela lei, o paciente não paga taxa nenhuma para ser atendido pelo sistema público. A cobrança é crime. A Santa Casa não informou o nome do funcionário nem se encaminhou o caso à Polícia. 

O valor cobrado não foi divulgado pela instituição, que deve divulgar uma nota sobre o caso ainda hoje (17).

Câmara Federal regulamenta carreira dos agentes comunitários de saúde
Com a presença de agentes comunitários nas galerias da Câmara, os deputados federais concluíram hoje (12) a votação do projeto de lei que regulamenta...
Anvisa libera serviço de vacinação em farmácias de todo o país
Farmácias e drogarias de todo o país vão poder oferecer o serviço de vacinação a clientes. A possibilidade foi garantida em resolução aprovada hoje (...


E o nome do profissional? Será que por acaso o que ele fez não é um crime para ter seu nome sem ser divulgado?
 
Alex Moraes em 17/07/2013 14:25:41
Sr. Presidente da Santa Casa, vejo o Sr. como uma pessoa séria, e muita gente já pagou e continua pagando para passar na frente da fila, em especial nas cirurgias de maior complexidade e risco, e os médicos alegam que os valores cobrados são para contribuir com a caixinha dos funcionários que ganham pouco e trabalham muito, e o pior é que em função disso, muitos pacientes ficam vários dias internados a espera da cirurgia que vai sendo adiada para que alguns "privilegiados" passem na frente, e enquanto isso esses pacientes correm risco de vida e ficam tomando as vagas de outros que precisam ser internados...essa é a nossa saúde...mas confio que o sr, com sua seriedade aproveite este momento e as CPI'S da saúde para fazer as mudanças em favor do povo...que Deus lhe abençoe.
 
ALFREDO SANDIM em 17/07/2013 13:42:44
Todo cuidado é pouco quando se fala em Saúde, principalmente quando se cai em situação difícil o qual vai necessitar de um atendimento especializado em cirurgia rápida, os maus profissionais aparecem e aproveitam de tudo, tanto financeiro, moral e ético, são usados hospital centro cirúrgico e equipes, no meio dos bons, estão os ruins
 
Romildo Medeiros em 17/07/2013 11:31:02
Thelma Lima, não generalize ! Não ponha no mesmo saco profissionais abnegados e honestos que trabalham incansavelmente na busca da saúde e reabilitação de milhares de pacientes operados na Santa Casa! Não generalize!
 
arnobio luiz em 17/07/2013 10:32:26
Como sempre, pagaram de MORALISTAS para encobrirem "possíveis" envolvidos junto com a mesma. Se houve a cirurgia há mais pessoas envolvidas, essa história esta muito mal contada, como sempre o PEQUENO pago a bucha de tantos desmandos na saúde do MS, se for levar em conta e pegar as "BOAS E ÓTIMAS NOTICIAS" sobre essa SANTA CASA , não restaria PEDRA SOBRE PEDRA nessa entidade, uma pouca vergonha esse MORALISMO hipócrita e ridículo, e ainda usar a imprensa para falar em prática da MORAL E DOS BONS COSTUMES....
 
Israel lIMA em 17/07/2013 10:28:05
E o médico que receberia a propina??? Todo mundo sabe que a equipe médica usa desse recurso, explorando o desespero alheio, cobrando para passar pessoas à frente na hora da cirurgia... prejudicado quem paga indevidamente, prejudicado o paciente que permanece na fila de espera e agora o funcionário que vira bode expiatório. Falo com conhecimento de causa, meu tio pagou e foi ameaçado pelo médico chefe da equipe, se denunciasse, não seria mais atendido quando precisasse e o processo não iria dar em nada!!!
 
Thelma Lima em 17/07/2013 09:41:34
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions