A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

04/11/2010 10:01

Sem pessoal, HR prioriza cirurgias de maior urgência

Redação

Com falta de pessoal, foi necessária reestruturação interna no Hospital Regional Rosa Pedrossian, em Campo Grande, que depois de suspender cirurgias eletivas, retomou os procedimentos mas está priorizando as cirurgias de pacientes graves, nos setores oncológico e cardíaco.

"A gente tem dificuldade nos recursos humanos e teve que ser feita uma readequação. Reorganizamos o centro cirúrgico para atender a demanda de urgência e emergência", explicou o diretor técnico do HR Alexandre Frizzo.

São realizadas em média 15 operações do tipo por dia no Regional. Frizzo garantiu que as eletivas continuam sendo agendadas normalmente "na medida do possível", levando em conta os critérios de urgência e prioridades do hospital.

Com relação a um comunicado fixado dentro do HR a respeito de uma suspensão das cirurgias eletivas, Frizzo explicou que foi uma determinação que durou 2 dias, tempo necessário para a reorganização interna dos funcionários. "Isso já foi revisto", afirma o diretor.

"

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions