A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

12/08/2011 08:09

Servidores da UFMS discutem em assembleia adesão à greve nacional

Edmir Conceição

Se os servidores da UFMS entrarem em greve, sobe para 48 as instituições federais de ensino paralisadas. Em todo país são 53.

Os servidores técnicos administrativos da UFMS (Universidade Federal de mato Grosso do Sul) fazem assembléia agora de manhã na Capital para deliberarem o indicativo nacional de greve e definir a data de paralisação. Se os servidores da UFMS entrarem em greve, sobe para 48 as instituições federais de ensino paralisadas. Em todo país são 53. Na região Centro Oeste, apenas a UFMS ainda não aderiu.

Na UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados), os grevistas realizam concentrações e assembléias na Universidade e no Hospital Universitário. Na próxima semana os servidores farão esclarecimento à população sobre as razões da greve. O STJ – Superior Tribunal de Justiça – expediu liminar para que haja o retorno de 50% dos servidores em greve em todas as universidades. A paralisação busca pressionar o governo para as reivindicações salariais.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions