A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

21/12/2009 17:32

STJ concede HC a governador contra precatório de 444 PMs

Redação

O STJ (Superior Tribunal de Justiça) concedeu, no final da tarde de hoje, habeas corpus ao governador André Puccinelli (PMDB), ao procurador-geral do Estado, Rafael Coldibelli Francisco, e à secretária estadual de Administração, Thie Higuchi dos Santos Viegas, contra o pagamento de um precatório determinado pelo TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), que contemplaria 444 policiais militares.

A liminar foi concedida às 17h11min de hoje pela presidência do STJ a pedido do procurador do Estado em Brasília, Ulisses Schwarz Vianna.

Segundo a assessoria do Estado, o salvo conduto é para evitar a implantação das perdas salariais na folha de pagamento para 444 policiais militares. O Governo tinha 15 dias para cumprir a determinação, sob pena de prisão do chefe do Executivo e os secretários estaduais. Puccinelli alegou que não tem condições de cumprir a decisão durante o período das festas de fim de ano.

A legislação prevê que o reajuste dos militares deve ter como base o valor de referência das remunerações, ou seja, o valor do salário bruto. No entanto, o que ocorria era o reajuste baseado no salário base.

A ação coletiva foi impetrada pela ACS (Associação de Cabos e Soldados da PM e Bombeiros do MS). Em 16 de dezembro de 2004 a ação foi julgada procedente pelo TJ/MS. Esse fato levou o Governo a recorrer da decisão, ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), e ao Supremo Tribunal Federal (STF), sendo derrotado nas duas instâncias superiores.

Em novembro de 2008, a Associação entrou com uma ação de execução de sentença, desta forma o governador deveria ter cumprido a decisão e implantado em folha os valores previstos no acórdão do TJ.

Com a decisão de hoje, o Estado espera ingressar com outro recurso para não implantar a medida determinada pela Justiça Estadual nos salários dos policiais militares.

Mega-Sena acumula e prêmio no sábado pode chegar a R$ 39 milhões
A Mega-Sena mais uma vez ficou sem vencer na noite desta quarta-feira (13) e, assim, acumulou. O prêmio pode subir para R$ 39 milhões no sorteio do p...
Chuva intensa de meteoros terá pico na madrugada de quinta-feira
A chuva de meteoros Geminídeos – uma das mais intensas e brilhantes do ano – vai ocorrer durante a noite de hoje (13) e a madrugada de amanhã (14) e ...
STF tem maioria a favor de delação negociada pela Polícia Federal
O Supremo Tribunal Federal (STF) formou hoje (13) maioria para manter a autorização legal para que a Polícia Federal (PF) possa negociar delações pre...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions