A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

17/03/2011 13:11

STJ mantém preso acusado de envolvimento na morte do vereador Ratinho

Fabiano Arruda

Decisão do TJ/MS também foi pela manuntenção para garantir a ordem pública

Radialista foi morto a tiros em 2008. (Foto: Vc repórter/Terra)Radialista foi morto a tiros em 2008. (Foto: Vc repórter/Terra)

O STJ (Superior Tribunal de Justiça) manteve a prisão de Afonso Ferreira, acusado de participar da morte de Flávio Roberto Godoy (PDT), radialista e vereador que tentava reeleição, assassinado com sete tiros durante um comício na cidade de Bela Vista, em 2008.

A defesa alegou, no pedido de habeas corpus, que há divergência nas declarações das testemunhas e excesso de prazo na custódia, o que "pressupõe cumprimento de pena antes da condenação", além de sustentar que o réu tem condições legais para responder o processo em liberdade, já que é primário, tem bons antecedentes e não participou do crime.

Segundo informações do STJ, para o relator, ministro Napoleão Nunes Maia Filho, como há suficientes indícios de autoria, não há ilegalidade na decisão que determinou a prisão preventiva de Afonso no dia 18 de novembro de 2009.

A ação penal está na fase de alegações finais, o que afasta, segundo o relator no STJ, a hipótese de constrangimento por excesso de prazo.

A prisão foi mantida pelo TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) para garantir a ordem pública.

Segundo o TJ/MS, “a preservação da ordem não se restringe às medidas preventivas da irrupção de conflitos e tumultos, mas abrange também a promoção de providências de resguardo à integridade das instituições, à sua credibilidade social e ao aumento da confiança da população nos mecanismos oficiais de repressão”.

No dia 24 de junho do ano passado, um envolvido no crime foi assassinado. Vilmar dos Santos Padilha, 53 anos, se apresentou à Polícia Civil e confessou ter matado Flávio Santana Franco, 32 anos, em Nova Alvorada do Sul. A vítima era acusada de contratar pistoleiros para matar Ratinho.

Homem confessa morte do acusado de assassinar Ratinho
Vilmar dos Santos Padilha, 53 anos, se apresentou à Polícia Civil na terça-feira e confessou ter matado Flávio Santana Franco, 32 anos, crime ocorrid...
Inscrições para o Vestibular 2018 da UFMS seguem abertas
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...
Autorização para psicólogos aplicarem terapia de reorientação sexual é mantida
O juiz Waldemar Cláudio de Carvalho, da 14ª Vara Federal de Brasília, decidiu hoje (15) tornar definitiva a decisão liminar (provisória) que havia pr...
Clientes de banco podem renegociar dívidas no "Caminhão do Quita Fácil"
A partir de segunda-feira (18), clientes das agências da Caixa de Campo Grande terão a possibilidade de renegociar suas dívidas atrasadas há mais de ...


A Justiça Começa a mostrar sua força, mais ainda em Bela Vista os mandantes do crime circulam normalmente pelas ruas da cidade fantasiados de cordeirinhos e de salvadores da Pátria,mas a justiça divína será feita e os responsáveis por esse ato de covardia serão condenados e Bela Vista voltará a ser como antes,uma cidade boa para viver!
 
Amilton freitas em 03/06/2011 08:15:04
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions