A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

12/12/2015 11:02

Tráfego na BR-163 será desviado e reparo da pista pode durar dez dias

Thiago de Souza

A CCR MSVia informou, na manhã de hoje (12), que pretende desviar o tráfego na BR-163, na altura de Juti, por conta da interdição do quilômetro 49 da via, próxima a Eldorado, que cedeu devido a força das águas na noite de ontem. Até o momento, parte de Mato Grosso do Sul está sem acesso ao estado do Paraná.

De acordo com o gerente de operações da concessionária, Fausto Camilotti, o motorista que segue pela BR-163, ao chegar no quilômetro 171, no lado Sul, vai pegar desvio em uma estrada de terra. Concluido o desvio,o motorista vai retornar no quilômetro 41 da BR-163.

Técnicos da concessionária que administra a rodovia em MS estão percorrendo o trecho do desvio para constatar se há algum trecho sem condições de trafegabilidade. 

Em relação ao trecho interditado, Camilotti estimou que técnicos da empresa estão no local e o reparo da rodovia deve durar em torno de dez dias.  

A empresa disse que os motoristas estão sendo alertados da interdição pelos paineis eletrônicos, espalhandos ao longo da rodovia.

Até este momento, quem sai de Campo Grande em direção ao Paraná, pela BR-163, não consegue acessar o estado vizinho.

Trecho da pista cedeu devido a força da águas durante a chuva. (Foto: Direto das Ruas)Trecho da pista cedeu devido a força da águas durante a chuva. (Foto: Direto das Ruas)


Mais um lugar neste estado onde tubulações enterrados não deram conta da vazão. Ai a agua infiltrou e levou a terra. Para cruzar um corrego, existe só uma solução de engenaria aceitável: fazer uma ponte. Enterrar dutos é solução barato de curto prazo; em pouco tempo acontece exatamente isso. Espero que um concessionario visando lucro, ao contrario de um governo, coloca todo na ponta de lapis e resolve resolver de uma vez, em vez de gastar mais um pouco cada vez que chove. Ao longo prazo, fazer bem feito, sai mais barato. E uma empresa não precisa ter (pouco) retorno em 4 anos, já que não tem eleições pode optar por um bom retorno em 20 anos...
 
Marc em 12/12/2015 21:42:15
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions