A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Janeiro de 2019

14/09/2010 09:39

Universitários fazem protesto por comida a preço popular

Redação

Cerca de 60 acadêmicos de diversos cursos fazem manifestação nesta manhã de terça-feira na UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) contra o preço cobrado pela refeição no RU (Restaurante Universitário), em Campo Grande.

O restaurante, que tem o serviço terceirizado, cobra R$ 8,00 a refeição. Neste momento, os manifestantes estão em frente à reitoria com cartazes, megafone e fazendo batucada.

Eles pretendem entregar um documento à administração da universidade com a reivindicação.

"Não conseguimos que o estudante permaneça na universidade. Com esse valor, o estudante se vê obrigado a voltar para casa para almoçar e isso prejudica a continuidade de projetos e atividades culturais, esportivas e complementares", diz o acadêmico de Jornalismo, Rafael de Abreu.

Para ele, o ideal seria acabar com a terceirização do restaurante para a UFMS assumir os custos e fornecer um prato por um preço mais acessível. "Estamos propondo R$ 1,00", disse.

PF pede 90 dias para fechar inquérito sobre atentado contra Bolsonaro
A Polícia Federal (PF) pediu hoje (16) à Justiça Federal em Minas Gerais mais 90 dias para encerrar o inquérito que apura quem são os responsáveis pe...
Com 3 sorteios na semana, Mega-Sena pode pagar até R$ 27 milhões, amanhã
A Mega-Sena pode pagar até R$ 27 milhões nesta quinta-feira (17) para quem acertar as seis dezenas do prêmio. Nesta semana, excepcionalmente, como pa...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions