A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

13/05/2009 10:15

Veja como ficarão salários na PM com projeto de reajuste

Redação

O governo do Estado enviou à Assembleia Legislativa duas tabelas com salários para a PM (Polícia Militar) e Corpo de Bombeiros: a primeira (tabela A) contempla os que não fizeram acordo com o governo e a segunda (tabela B), com rendimentos maiores, se destina a quem fez acordo com o governo do Estado.

No ano passado, governo de Mato Grosso do Sul perdeu, no STF (Supremo Tribunal Federal), uma ação movida contra o mandado coletivo impetrado pela Associação de Cabos Policiais e Bombeiros Militares em 2004. Através da ação, os policiais tentam reaver perdas financeiras. Com a decisão do Supremo, o governo propôs acordo, mas nem todos os policiais aceitaram.

Conforme o projeto, um soldado nível 1 que não fez acordo terá salário de R$ 1.236; já quem aceitou a proposta do governo receberá R$ 1.700. Para o cabo nível 1, o valor varia de R$ 1.675 a R$ 2.450. No caso de coronel nível 1, o valor do salário de quem fez acordo é o dobro dos que aguardam cumprimento da decisão judicial. Para o primeiro, o vencimento é de R$ 13.306; no segundo caso, o salário não ultrapassa R$ 6.945. A carreira na PM tem 12 graduações e seis níveis.

O projeto inclui a projeção salarial até 2014, que totalizará reajuste de 25%. Em 2009, o reajuste será de 6% linear; os 19% restantes virão nos próximos cinco anos.

Nesta quarta-feira, às 14h30, a PM realiza assembleia sobre o reajuste. A reunião será na Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul). Conforme o presidente da Associação de Cabos e Soldados, José Florêncio de Melo Irmão, não existe intenção de radicalizar.

Na semana passada, quando a Polícia Civil fez paralisação, o comando da PM divulgou oficio aos policiais militares alertando que a categoria é impedida pela constituição estadual de fazer greve.

 

SUBSÍDIO DA CARREIRA POLÍCIA MILITAR E BOMBEIRO MILITAR

TABELA A

(REVIS

MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...
Presos da penitenciária federal da Capital são julgados por crime em RN
Um preso custodiado no presídio federal de Campo Grande foi julgado, ao lado de outros três homens, na quinta-feira (14) e nessa sexta-feira (15) por...
Governo Federal reduz período do horário de verão para 2018/19
O presidente Michel Temer assinou hoje (15) um decreto reduzindo em duas semanas o horário de verão em 2018. No ano que vem, a medida começará a vale...
Inscrições para o Vestibular 2018 da UFMS seguem abertas
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions