A notícia da terra a um clique de você.
 
27/03/2019 07:00

Manual dos políticos que dominam as redes sociais

Mário Sérgio Lorenzetto
Manual dos políticos que dominam as redes sociais

O "meme" é uma foto mesclada com texto ou uma imagem emblemática cuja divulgação vai crescendo ao circular pelas redes sociais. Também tornou-se a mais eficaz arma dos políticos. Depois da surpreendente vitória de Trump, alguns políticos aprenderam sua "feitiçaria" e até o ultrapassaram em popularidade na internet.
Uma análise de quatro políticos norte-americanos, um italiano e um espanhol, mostrou como funciona a boa ligação dos políticos com os eleitores. É através da combinação fácil de texto e imagem que eles estão vencendo.

Manual dos políticos que dominam as redes sociais

Os quatro campeões das redes sociais.

O italiano Matteo Salvini, os norte americanos Donald Trump e Bernie Sanders (dos quatro, o único de esquerda), e o espanhol Santiago Abascal, são os que proporcionalmente usam mais memes no mundo como ferramenta de comunicação.
Uma frase, um desenho ou um gráfico outorgam mais claridade a uma simples foto. A mensagem está toda ali, em um lema ou uma piada, sem matizes, sem metáforas. A comunicação é franca e direta. Também é experimental. Aprendem com erros e acertos. Se acertar, continua com o mesmo tema. Preferencialmente inovador. Um tema que não está nas necessidades da população que as pesquisas mostram.

Manual dos políticos que dominam as redes sociais

Às armas cidadãos e vamos colocar os bancos no seu lugar, ideias que ninguém debatia.

O que as pesquisas mostravam nos Estados Unidos, Itália, Espanha (e Brasil)? Suas populações ansiavam por melhorias nas áreas de saúde e de segurança. A liberação das armas não tinha nem 0,0001% nessas pesquisas. Trump abriu o caminho. Propôs que as armas fossem totalmente liberadas nos EUA. Um debate foi criado com a divulgação na imprensa de seus memes pró-armas. Quanto mais batiam nessa proposta de governo, mais Trump crescia nas pesquisas de intenção de voto. Salvini, o italiano que vem dominando parte da Europa, secundou Trump. Em seguida, foi a vez de Bolsonaro. E agora é a vez do espanhol e seu novo partido de extrema direita chamado Vox.
O caminho de Sanders, o candidato da esquerda norte americana foi diferente. Não fala em armas, fala em dinheiro. Combate a voracidade de Wall Street e dos banqueiros. Como os políticos de direita, seu temário também não aparecia nas pesquisas das necessidades populares.

Manual dos políticos que dominam as redes sociais

A celebrização da política.

Os memes não são as únicas armas dos novos políticos. Usam com eficácia seus momentos privados. É o que chama de celebrização da política. A exploração da vida privada para fins públicos. Acabamos de ver o juiz Bretas, aquele que determinou a prisão do ex-presidente Temer, usar corretamente a celebrização. Postou uma foto sua malhando em um aparelhada academia. Mostrou força em um momento em que havia usado a força de sua caneta. Força física embasando,a força intelectual. Seu meme explodiu. Foi mais comentado que sua decisão de prender Temer.
Esse tipo de imagens consegue a maior quantidade de "gostei" , o polegar para cima, símbolo mais cobiçado por quem posta nas redes sociais.

Manual dos políticos que dominam as redes sociais

As três chaves do Instagram para políticos.

O estudo mostrou o caso do Instagram e suas particularidades. Diz que a chave está em três atos: ser nativo digital, oferecer autenticidade ou espontaneidade e aparecer em espaços mais internos ou pessoais, não políticos. Os memes de maior êxito, em geral, correspondem a esses critérios. Quase ninguém dá o "gostei" em comícios ou dois políticos dando as mãos. Eles afirma que o Instagram é um caso à parte. Os políticos não devem usar os mesmos conteúdos que usam em outras redes sociais.

Manual dos políticos que dominam as redes sociais

As palavras que definem o que há de melhor para os políticos.

O software também fez o estudo das melhores palavras empregadas pelos políticos estudados. Para Salvini, o atual campeão das redes sociais, as melhores palavras são: "saúdo as pessoas de uniforme", e como bom italiano, sempre que fala sobre a cozinha. Trump se dá bem quando usa a palavra "militar" em seus discursos. Também vai bem quando está ao lado da bandeira dos EUA e perto de carros.
No outro espectro, no lado da esquerda, Alexandra Ocaso-Cortez vai bem quando usa as palavras "contente", "criança", "juventude " e "sorriso". Seu velho colega da esquerda norte americana, Sanders, usa bem as palavras "estrela", "romance", "bebe" e "fotografia de amor".

imagem transparente
Busca

Classificados


Copyright © 2019 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.