A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 28 de Junho de 2017


  • Ampla Visão
  • Ampla Visão

    com Manoel Afonso


06/11/2015 13:58

Biffi – o otimista cego com o país

Manoel Afonso

DESGASTE? Para alguns esse episódio do aumento dos impostos será esquecido com o tempo, como ocorreu no governo de André. Para outros manchou o governo. Como se diz: na política não existe mal totalmente irreparável. O futuro é outro dia.

CONTROVÉRSIAS Ouvi opiniões diferentes na Assembleia Legislativa. Uma delas: Reinaldo ignorou as lições de Maquiavel sobre as maldades e bondades. As primeiras devem ser feitas de uma vez só, já as segundas – devem ser feitas aos poucos.

EVIDENTE Faltou diálogo com o núcleo pensante da Assembleia Legislativa. É certo que os ônus financeiros do projeto não chegariam ao eleitor da periferia, mas o tema ( alta de impostos) exposto na mídia, atrai a ira e desgasta junto a opinião pública.

DESASTRE Faltou ao líder do Governo, deputado Rinaldo, uma melhor exposição do projeto na tribuna. Não conseguiu se recompor das vaias e ajudou na piora do clima no plenário. Ora! Um líder precisa ter capacidade de superação nestas horas.

ZÉ TEIXEIRA Ao seu estilo mostrou prestígio junto aos segmentos produtivos. As lideranças que compareceram faziam questão do afago do deputado, que embora ligado ao Governo, não abriu mão de suas convicções sobre o delicado projeto.

ENFIM... O episódio mostrou a dinâmica da política no plenário. Pedro Kemp ganhou aplausos dos produtores rurais e André foi lembrado num cartaz na galeria. Ao Governo resta também melhorar sua comunicação. O autismo é incompatível com a política.

MAQUIAVEL Todos os políticos seguem sua cartilha. Ao assumir o Governo, André promoveu medidas que atingiriam entidades filantrópicas inclusive. Com o tempo foi se recompondo; as maldades esquecidas pelas bondades continuadas. É assim mano!

EM PAUTA Deputado Marcio Fernandes otimista com seu Projeto de Lei concedendo 20% de desconto na tarifa de energia elétrica aos deficientes visuais. Claro, a matéria é interessante e justa do ponto de vista social. Acompanharemos a sua tramitação.

ALERTA A foto do José Maria Marin chegando aos ‘States’ mostra os estragos que a cadeia fez nele. Aos 83 anos de idade precisava passar por essa humilhação? Lembra o Zé Dirceu. A propósito: Zé ganhará presentes ou mesmo visitas neste Natal?

ENCOLHIDOS Pesquiso na mídia; não há petistas defendendo Zé Dirceu. E mais: se antes eles faziam questão de se exibir em fotos ao lado dele porque dava status, hoje se sentem constrangidos quando elas são publicadas, inclusive aqui no MS.

‘O ILUMINADO’ O ex-deputado Biffi atribui a crise atual às notícias tendenciosas da mídia nacional. Mas não deu um pio sobre o Mensalão, a Lava Jato e as prisões de Zé Dirceu, André Vargas e Vacari. Sem mandato, Biffi ‘vive noutro país.’

O EX-DEPUTADO que continua com bom salário público, ignora as placas de ‘vende-se ou aluga’, as taxas de juro, a queda do PIB, a inflação crescente, o desemprego e o aumento da carga tributária. E isso não é invenção da mídia.

‘SACANAGEM’ Nenhuma liderança petista daqui dignou-se a fazer a defesa do companheiro Bumlai, fiel escudeiro e anfitrião de Lula, com direito a livre ingresso no Palácio do Planalto. Resistirá a acareação na Lava Jato do juiz Sergio Moro?

AMARILDO Muito bom o projeto do deputado sobre o uso do sal no comercio e em nosso dia a dia. Oportunizará maior conscientização dos malefícios do produto. Matéria simpática de saúde pública, transcendendo naturalmente as questões partidárias.

SÓ FERRO! Se o pessoal do serviço público continua intocável, as novas regras para a aposentadoria dos ‘mortais’ ficaram muito aquém do esperado. O brasileiro morrerá sem usufruir dos benefícios da pobre aposentadoria, cada vez mais distante.

SÓ FALSIDADE! A ‘Constituição Cidadã’ é puro engodo. Oba oba na mídia e pouca praticidade. No fundo, preservou distorções e benefícios em prol de privilegiados como funcionários públicos, políticos e militares. Ao povo, restaram as migalhas.

A PROPÓSITO O que se vê hoje lá em Brasília é bem isso. Fazem acordo, livram a cara do filho do Lula, Palocci, e empurram com a barriga o caso do Eduardo Cunha. Na hora ‘agá’, os políticos se unem para sobreviverem. Diga-me com quem andas...

TERMÔMETRO A gravidade do quadro econômico do país pode ser medida pela situação do camelódromo aqui da capital. Se antes, os ‘pontos’ eram disputadíssimos, hoje 12 lojas já fecharam as portas. Pior: as previsões para 2016 são sombrias.

DÓLAR CRUEL Se buscar mercadorias no Paraguai e Bolívia não compensa mais, a opção de se comprar roupas em Goiânia e outros centros também é ruim. Porque? Os tecidos usados nas confecções são ‘made in China’, jogando o preço nas nuvens.

ZERADO Ao entrar nas lojas percebe-se o baixo estoque de mercadorias para seduzir o cliente. O glorioso governo esgoelou essa galinha de ovos de ouro. Impossível suportar tantas mordidas: Aluguel, impostos, encargos trabalhistas etc. Só no Brasil.

A PROPÓSITO Quantas empresas nascidas aqui, de capital local sobreviveram ao longo dos últimos 30 anos? Da para contar nos dedos. Claro, a invasão das grandes redes nacionais ajudou, mas a insaciabilidade fiscal foi a causa principal.

QUE SITUAÇÃO! O povo da capital anda com saudades do André e Nelsinho. A opção pela renovação deu nisso! É lamentável, um prefeito com suas contas bancárias bloqueadas pela Justiça Federal. Salvadores da Pátria – um perigo!

“Os aposentados são vagabundos e os brasileiros, caipiras”. (FHC)

Internet versus currais eleitorais
GORDINHOS...e diabéticos! Deputado Marcio Fernandes (PMDB) falou comigo da esperança em ver a Assembleia Legislativa derrubar o veto do Executivo ao ...
O desafio do eleitor: acreditar no novo
100 ANOS Ex-governador Wilson Barbosa Martins completando 100 anos de idade. Probo, adotou o discurso moralista (sem eco) da UDN, mas sem gente compe...
Ayache e Pedro Chaves: os sobreviventes
OS ESTRAGOS eleitorais por aqui não distinguiram partidos e lideranças. É bom saber: um mês antes de estourar o caso da delação de Joesley Batista, a...
PT, PMDB e PSDB – trigêmeos em apuros!
AGONIA Onde não tem escândalo por dinheiro? Ouvi de um sábio de plantão que come abelhas no café matinal: “neste ritmo o Silvio Santos acabaria ganha...



A saudade do André é fácil explicar; sem dúvida é um dos melhores administradores do estado e, sua equipe é escolhida a dedo; já os "novos" envelheceram muito cedo e caíram do pé ainda verdes. Volta André pelo bem de nossa linda cidade, antes que seja tarde demais!
 
Semobigode em 10/11/2015 10:40:43
NA CAPITAL - Por falar em saudades daqueles que um dia foram titulares da cadeira do Paço Municipal, me leva a transcrever uma frase do jornalista brasileiro Arnaldo Jabor que assim registra: " Tudo vai melhorar quando a maioria das pessoas de bem forem mais ousadas que as canalhas". É justamente esse o calcanhar de Aquiles; as pessoas de bem se acovardam ante a complexidade representada pela qualidade dos políticos que comandam a máquina pública no país em todos os níveis, basta verificar os gastos das campanhas eleitorais e as respectivas doações legais para fazer suposições de como será o retorno desse investimento. As pessoas de bem não conseguem enxergar a luz no fim do túnel, o que nos leva a uma reflexão sombria sobre o futuro do Brasil. É lastimável, porém, verdadeiro. Bene.
 
benedito rodrigues da costa em 07/11/2015 09:00:31
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions