ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, DOMINGO  17    CAMPO GRANDE 22º

Conteúdo Patrocinado

A merecida paradinha de final de ano de quem cuida da cidade todos os dias

Se tem uma coisa que a cidade respeita e admira é o trabalho dos coletores que trabalham na limpeza urbana de Campo Grande

Por Post Patrocinado | 22/12/2020 08:30
Ecoponto - Lev (Foto: Divulgação)
Ecoponto - Lev (Foto: Divulgação)

Faça chuva ou faça sol, é um trabalho ativo sempre, e que tem mais de 93% de aprovação em pesquisa realizada com o público. Mas afinal, o serviço nunca para?
“Sim, o serviço para exclusivamente no dia de Natal e no primeiro dia do ano, e isso por conta de convenção coletiva de trabalho”, explica Bruno Velloso, gerente operacional da Solurb.

Mas não é um simples parar. É preciso uma logística antes e depois para que o serviço não seja feito em um dia.

Limpeza de boca de lobo (Foto: Divulgação)
Limpeza de boca de lobo (Foto: Divulgação)

Nos dias 24 e 31/12 as coletas domiciliar, seletiva e a de saúde iniciam uma hora mais cedo. Já o atendimento nos Ecopontos é normal.

Já nos dias 25/12 e 01/01, não haverá coletas e nem atendimento nos Ecopontos.

Mas em 26/12 e 02/01 todo o atendimento e coletas voltam ao normal. Nesses dias sempre o volume coletado ultrapassa a média e obviamente exige mais dos coletores e mais tempo para normalização.

Ecoponto - lev (Foto: Divulgação)
Ecoponto - lev (Foto: Divulgação)

A orientação que fica para o público é que nos dias em que não houver coleta, não seja deixado nenhum lixo na rua como forma de evitar que atraia animais e gere mais sujeira.

“É uma parada operacional que exige planejamento e um trabalho redobrado depois, mas é necessário não apenas por ser uma definição legal. É um momento desses dedicados colaboradores viverem momentos afetivos em família. E a cidade entende, respeita e apoia esse momento”, completa Bruno Velloso.

Nos siga no Google Notícias