ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, QUARTA  27    CAMPO GRANDE 28º

Conteúdo Patrocinado

Nos 44 anos de MS, Soraya Thronicke viabiliza R$ 667 milhões ao Estado

Recursos individuais da senadora contemplam principalmente saúde, infraestrutura, educação e segurança pública

Por Post Patrocinado | 11/10/2021 07:00
Apenas neste ano, Soraya Thronicke garantiu mais de R$ 1,7 milhão em emendas a vários municípios de MS. (Foto: Divulgação)
Apenas neste ano, Soraya Thronicke garantiu mais de R$ 1,7 milhão em emendas a vários municípios de MS. (Foto: Divulgação)

Criado pela Lei Complementar nº 31, de 11 de outubro de 1977, Mato Grosso do Sul, um dos estados mais jovens do país, completa 44 anos da divisão do Mato Grosso, construindo uma identidade própria, marcada pelo desenvolvimento sustentável, que tem como foco a preservação dos biomas do Pantanal e do Cerrado. No âmbito político, o Estado conta com um histórico composto por nomes de famílias tradicionais. Destacando-se como o ponto fora da curva, a senadora Soraya Thronicke – membro do União Brasil, partido criado recentemente a partir da fusão entre PSL e DEM – tem conquistado cada vez mais espaço no complexo cenário político de MS, graças ao trabalho realizado nestes dois anos e meio de mandato.

“Digamos que Mato Grosso do Sul e eu somos da mesma geração. Nossas histórias se misturam, pois nasci em Dourados, fui criada em Campo Grande, e tenho família espalhada por todo o Estado. Minha raiz sul-mato-grossense é muito forte e tenho orgulho disso. Tenho um carinho imenso pelo interior, porque aquelas pessoas representam bem o que é a minha família, de gente trabalhadora, determinada e guerreira. E essa é a base que levo para a minha vida política, com integridade e responsabilidade”, afirma a parlamentar.

Eleita senadora por Mato Grosso do Sul com 373.712 votos em 2018, a parlamentar ficou conhecida pela participação nos movimentos democráticos de rua que lutavam por uma mudança na política brasileira em todo o país. Agora, com quase três anos de mandato, a senadora Soraya já começa a colher os frutos do seu trabalho no Senado Federal, ganhando cada vez mais destaque e assumindo protagonismo na política estadual e nacional, além de se tornar uma liderança feminina no Congresso Nacional.

“Sempre pautei minha trajetória política na verdade, no trabalho honesto e buscando fazer o que é certo. Faço isso porque, antes de tudo, sou uma cidadã brasileira que se incomoda com o que está errado e se preocupa com o futuro do nosso país. Em Mato Grosso do Sul, não é diferente. Por isso, sempre fui às ruas, lutei por melhorias e entendi que era preciso fazer mais para conseguir realmente a mudança. Era preciso ter a caneta nas mãos. Então, saí da fila dos que só reclamam e entrei na fila dos que buscam fazer o certo”, avalia.

Com a fusão do PSL e DEM, o partido União Brasil já nasce gigante no Congresso Nacional. Em Mato Grosso do Sul, a senadora Soraya Thronicke se torna uma das principais representantes da legenda e acredita que o União Brasil irá lançar candidatura própria ao Governo do Estado em 2022.

“Temos condições de escolher um nome forte com boas chances de ganhar a eleição para conduzir o Mato Grosso do Sul ao progresso que merecemos. Estamos comemorando 44 anos do Estado, que foi criado a partir da divisão de Mato Grosso e, por outro lado, também estamos lançando um novo partido a partir da fusão de duas importantes siglas, e escolhemos o número 44 para nos representar nas urnas. São algumas felizes coincidências que vão acontecendo”, pontua.

Soraya vestiu a camisa de Mato Grosso do Sul desde o 1º dia de mandato. (Foto: Divulgação)
Soraya vestiu a camisa de Mato Grosso do Sul desde o 1º dia de mandato. (Foto: Divulgação)

Investimentos em MS

Em menos de três anos de mandato, a senadora Soraya Thronicke já viabilizou mais de R$ 667 milhões em recursos para Mato Grosso do Sul. Desse total, cerca de R$ 150 milhões são de emendas individuais para investimentos principalmente na área da saúde, infraestrutura, segurança pública, educação, agricultura, turismo e assistência social.

“Nesses quase três anos de mandato, já conquistamos muito para o nosso Estado e, no aniversário de 44 anos de Mato Grosso do Sul, garanto que continuarei trabalhando pelo nosso desenvolvimento econômico e defendendo as bandeiras que me elegeram: a família, a economia liberal e o combate à corrupção”, declarou Soraya, reforçando que, apesar da pandemia de covid-19, MS está avançando a passos largos na solução de problemas socioeconômicos. “Graças à vacinação em massa da população, estamos vencendo a pandemia e, nesse sentido, ficamos mais fortes para enfrentar os próximos desafios”, afirmou.

De acordo com a parlamentar, a defesa da saúde pública de qualidade é uma das bandeiras que ajudaram a elegê-la e, nesse sentido, tem procurado destinar mais recursos para essa área tão crítica. “A situação da saúde pública de Mato Grosso do Sul agravou-se ainda mais com a pandemia do coronavírus e, por isso, procuro contribuir no enfrentamento dessa doença. Meu objetivo é garantir a toda a população sul-mato-grossense acesso ao tratamento médico de qualidade e vou continuar com essa luta”, declarou.

Somente neste ano, Soraya Thronicke contemplou com mais de R$ 1,7 milhão em emendas vários municípios de MS. “Este ano, defini com os vereadores do partido o compartilhamento das minhas emendas destinadas para a área da saúde. Essa iniciativa foi a forma que encontrei para distribuir os recursos para o maior número possível de municípios. Tentamos contemplar todas as cidades de alguma forma, priorizando áreas que são essenciais para a população”, informou a parlamentar.

Senadora em plenário, marca da atuação intensa em Brasília. (Foto: Divulgação)
Senadora em plenário, marca da atuação intensa em Brasília. (Foto: Divulgação)

Além de enviar recursos individuais, a parlamentar tem atuado desde o início do mandato para destravar outros recursos nos ministérios para o Estado. Apenas para continuação das obras do aeroporto de Dourados, foram R$ 30 milhões que Soraya intercedeu para viabilizar no Ministério da Economia, e cerca de mais R$ 20 milhões liberados em outros órgãos com ajuda da parlamentar.

“Ainda no primeiro ano de mandato, me comprometi a ficar em Brasília até o último dia do ano para conseguir o máximo de recursos para o Mato Grosso do Sul, e tenho feito isso desde então. Todo nosso esforço em conseguir mais dinheiro para o Estado é porque temos urgência em ajudar a população lá na ponta, nos municípios, que dependem do envio desses recursos para ter melhor assistência na saúde, uma educação com mais qualidade, segurança de país de primeiro mundo e tudo o que é de direito. Temos pressa em fazer dar certo”, garante.

Já pela Bancada Federal de Mato Grosso do Sul, a senadora ajudou a viabilizar mais de R$ 467 milhões em dois anos para investimento em infraestrutura, educação e segurança pública. “Pela Bancada Federal, conseguimos enviar um volume maior de recursos, com esforço e alinhamento dos parlamentares, para atender as áreas prioritárias do nosso Estado. Precisamos trabalhar com união, humanidade e solidariedade pelo bem da população sul-mato-grossense, e para conseguirmos alcançar o pleno desenvolvimento econômico e social. Mato Grosso do Sul tem muito potencial para ser referência em logística principalmente, pois estamos no centro do Brasil e da América Latina. Nossa atenção precisa estar voltada para isso também”, enfatiza.

Segurança é um dos setores com investimentos assegurados pela senadora a Mato Grosso do Sul. (Foto: Divulgação)
Segurança é um dos setores com investimentos assegurados pela senadora a Mato Grosso do Sul. (Foto: Divulgação)

Justamente pela localização privilegiada do Mato Grosso do Sul, Soraya considera fundamental reforçar o investimento na área de segurança pública, pois, segundo ela, essa geografia é usada pelo crime organizado. “O fato de Mato Grosso do Sul fazer fronteira com o Paraguai e Bolívia facilita a entrada de drogas e armas no Brasil. Por isso, as nossas forças de segurança precisam estar melhor aparelhadas para barrar a entrada desses ilícitos, que fortalecem o crime organizado no nosso País. Eu sempre digo que se o Mato Grosso do Sul está seguro, o Brasil está em paz”, declarou, reforçando que, neste ano, conseguiu junto à Força Nacional de Segurança Pública (FNSP), a doação de um micro-ônibus, uma viatura descaracterizada e munições para a Polícia Militar.

Além disso, apenas em 2021, a senadora destinou mais de R$ 1,3 milhão para investimentos na segurança pública. “Com o recurso, estou cumprindo uma das minhas promessas de campanha, que é cuidar da segurança de Mato Grosso do Sul. Desde o início do meu mandato, já destinei R$ 3 milhões para serem utilizados na compra de viaturas, armamentos e equipamentos para as forças de segurança pública estadual. No ano de 2020, foram mais de R$ 1,5 milhão para a Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Polícia Civil do Estado”, pontuou.

Nos siga no Google Notícias