A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

06/11/2015 17:08

Advogado dá "carteirada" e atendimento no Detran vira caso de polícia

Thiago de Souza

Leitores do Campo Grande News denunciaram uma ocorrência de descaso e confusão, ocorrida na agência do Detran, no Prático Coronel Antonino, em Campo Grande, por volta das 15 horas desta sexta-feira (6). Polícias Civil e Militar foram acionadas para acalmar os ânimos de clientes que se irritaram com a gerente da unidade que teria permitido que um advogado furasse fila e dado prioridade a ele no atendimento.

Segundo os denunciantes, a agência estava lotada, com pessoas aguardando o atendimento conforme número da senha. Havia três funcionárias no órgão, mas apenas duas faziam o serviço ao público, e uma mulher, supostamente gerente, atendia em uma sala. Por volta das 15h15, uma funcionária teria colocado uma caixa de papelão sob o painel de senha, indicando que novos clientes não seriam mais atendidos, apesar da agência permanecer aberta. O motivo seria o excesso de pessoas no local.

De acordo com relatado ao site, um homem, que se identificou como advogado, questionou o procedimento e exigiu que fosse atendido, pois o Detran estava dentro do horário legal de funcionamento.

Ainda conforme denúncia, a gerente do local chamou o homem para sua sala e disse que iria resolver o problema dele. Os dois permanceram lá dentro por 15 minutos. Neste momento, os demais que aguardavam atendimento se sentiram injustiçados e questionaram o suposto advogado sobre a atitude de furar fila. A mulher teria dito que, como gerente, teria o direito de atender quem ela quisesse. Houve confusão e bate boca até que a polícia chegou ao local.

As testemunhas disseram que após o episódio, a funcionária voltou a prestar atendimento, chamando as senhas e pela  ordem correta. Além disso, dizem que pretendem formalizar denúncia na ouvidoria do órgão.



Não sou advogado e nem professor de português mas acho que a chamada forçou um pouco a barra. Pelo que entendi ele não furou a fila. A fila foi furada pela gerente do local que sabendo que fez bobeira tentou concertar fazendo uma bobeira maior ainda dizendo que atende quem quiser na ordem que quiser. Sempre defendi a ideia que ao precisarem de orgãos publicos as pessoas entre nos estabelecimentos faltando alguns minutos para fechar por que uma vez lá dentro terão de ser atendidas.
 
Alex André de Souza em 11/11/2015 14:18:27
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions