A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

04/11/2014 14:40

Leitores ficam horrorizados com flagrantes de irregularidades no trânsito

Stephanie Romcy
Apesar de placa indicando vaga para deficiente, carro ficou no local por 20 min. (Foto: Direto das Ruas):Apesar de placa indicando vaga para deficiente, carro ficou no local por 20 min. (Foto: Direto das Ruas):

Diariamente a redação do Campo Grande News recebe flagrantes de ocorrências no trânsito da Capital que deixam os leitores horrorizados.

Somente nesta manhã, recebemos diversas reclamações. Uma delas foi no centro da Cidade, na Rua 15 de Novembro, quase esquina com a 14 de Julho, Thatyene Carvalho flagrou um carro parado em vaga destinada a deficientes.

Segundo ela, o veículo ficou no local por 20 minutos. "Eu vi quando chegou e a pessoa que desceu não era deficiente. Todos os dias acontece isto, ligamos para polícia de trânsito e nunca vem até o local averiguar", relata Thatyene.

Também no Centro, nas esquinas das ruas Rui Barbosa com Cândido Mariano, o leitor Alexandre Soares flagrou um carro estacionado na calçada por mais de uma hora.

Uma fiscal de caixa, que não quis se identificar, enviou fotos de um veículo dos Correios parado em cima da faixa de pedestre na 14 de Julho, esquina com Fernando Correia da Costa. "Estou cansada da falta de respeito com os pedestres, parar em cima da faixa é um absurdo", disse a leitora que informou que o carro ficou parado por cerca de 5 minutos.

Um carro parado na entrada de garagem irritou o manobrista de um estacionamento. "Todos os dias isto se repete durante a manhã e a tarde também. Onde estão as autoridades para fiscalizar", disse. Ele não quis se identificar.

Na Avenida Afonso Pena, a leitora Patrícia Hérica flagrou uma criança de aproximadamente 3 anos em pé no banco de trás de um veículo. "Atrapalha a concentração do motorista e coloca a criança em risco. Se existe a cadeirinha para evitar possíveis acidentes, que sejam usadas".

Já na Avenida Julio de Castilho, próximo à Rua Ricardo Franco, o analista de Sistemas Marcelo Barbosa registrou vários carros estacionados em cima de piso tátil. "Dificultam a passagem de deficientes visuais, já que o piso serve como auxílio para estes". O registro foi feito ontem (03), por volta de meio dia.

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro, estacionar o veículo sobre faixa destinada a pedestre, sobre ciclovia ou ciclofaixa, ao lado ou sobre canteiros centrais, divisores de pista de rolamento, marcas de canalização, gramados ou jardim público é infração grave, com multa de R$ 127,69.

Confira abaixo a galeria com flagrantes por toda Campo Grande: 

 




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions