ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SÁBADO  18    CAMPO GRANDE 35º

Direto das Ruas

Moradores reclamam de entulho em obra de calçada paralisada no Tijuca

Previsão de obra era de três meses, mas já passa de seis, segundo moradores

Por Caroline Maldonado e Bruna Marques | 30/07/2021 13:18
Esquina das ruas Diogo Álvares com Alfredo Lisboa, no Jardim Tijuca, onde obra de calçada parou e entulho foi deixado (Foto: Bruna Marques)
Esquina das ruas Diogo Álvares com Alfredo Lisboa, no Jardim Tijuca, onde obra de calçada parou e entulho foi deixado (Foto: Bruna Marques)

Funcionários da empreiteira responsável por asfaltar e fazer calçada paralisaram a obra, mas deixaram entulho, meio fio quebrado e terra, em ruas do Jardim Tijuca. Morador da esquina das ruas Diogo Álvares com Alfredo Lisboa relatou a situação ao Campo Grande News. Uma quadra acima, na rua Monalisa, a reportagem também encontrou terra e entulho.

O aposentado Rubens Limeira, de 67 anos, mora bem na esquina onde a calçada chegou, mas não foi finalizada. No local, ficou espalhada na rua a terra removida para a obra de calçamento. Segundo o morador, a situação é pior porque vizinhos aproveitam para jogar lixo ali. Há 30 anos no bairro, Rubens conta o que os funcionários da empreiteira informaram como justificativa para a situação.

“Disseram que a calçada parou aqui porque a licitação é só para fazer até aqui. A previsão era de 90 dias e já passa de seis meses que está dessa forma. Eles não tiraram a terra da rua, quebraram todo meio fio para tirar o aterro da calçada, detonaram tudo, arrancaram a boca de lobo. Na esquina, tinha tanta terra que não dava para passar, demoraram para vir tirar, ficou dias daquele jeito, vieram tirar, mas ainda tem sujeira”, reclama o morador da esquina.

Rubens acredita que a culpa não é da prefeitura e sim da empresa, pois em outro trecho onde outra empresa fez a obra, tudo está correto. O policial aposentado Sanderon Nobre, de 41 anos, também reclama.

Rua Monalisa, no Jardim Tijuca, onde há terra e entulho deixados por funcionários da obra (Foto: Bruna Marques)
Rua Monalisa, no Jardim Tijuca, onde há terra e entulho deixados por funcionários da obra (Foto: Bruna Marques)

“Quando ficou dessa forma, cheguei a falar com o engenheiro da obra, que foi bem ríspido. O fiscal da prefeitura não deu importância, passou de carro, não registrou e foi embora. Falaram que não vão terminar, porque não tem licitação. Queremos que venham aqui, refaçam as calçadas, arrumem as bocas de lobo e limpem a terra”, comentou.

A Sisep (Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos) informou, por meio da assessoria de imprensa, que equipes irão ao local verificar a situação e resolver o problema, fazendo remoção dos entulhos e refazendo o meio fio.

O transtorno ocorreu porque a empreiteira que ganhou a licitação, inicialmente, não terminou a obra, mas as calçadas serão devidamente finalizadas, segundo a secretaria.

Direto das Ruas - A informação chegou ao Campo Grande News pelo canal Direto das Ruas, meio de interação do leitor com a redação.

Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563.

Clique aqui e envie agora uma sugestão. Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos sejam feitos com o celular na posição horizontal.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário