A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

19/01/2015 23:01

Por falta de energia, produtor rural tem prejuízo superior a R$ 30 mil

Paulo Francis
Administrador perdeu 1700 litros de leite. (Foto: Direto das Ruas.)Administrador perdeu 1700 litros de leite. (Foto: Direto das Ruas.)
Luiz foi obrigado a comprar um gerador após inúmeros prejuízos.(Foto: Direto das Ruas)Luiz foi obrigado a comprar um gerador após inúmeros prejuízos.(Foto: Direto das Ruas)

O administrador de uma fazenda localizada a 13 quilômetros de Campo Grande, na saída para Três Lagoas, Luiz Henrique Saracco, 51 anos, entrou em contato com o Campo Grande News para relatar o prejuízo financeiro de mais de R$ 32 mil que sofreu por conta da interrupção do fornecimento de energia sem nenhum aviso prévio da concessionária responsável.

De acordo com Luiz, a estância que possui uma ordenhadeira mecânica, ficou impossibilitada de realizar seus trabalhos desde ontem (18), às 10 horas, quando a energia foi cortada. Cerca de 1700 litros de leite foram perdidos porque não foram resfriados de acordo com os devidos padrões de qualidade que os laticínios exigem. E também não foi possível ordenhar os animais ontem a tarde e nem hoje no período da manhã.

De ontem para hoje a falta de energia lhe causou uma perda de mais de 12 mil reais. Ele gastou 1200 reais com medicamentos para as vacas e terá que gastar com veterinário, já que quando não são ordenhadas correm o risco de contraírem infecções. Como essa não é a primeira vez que acontece esse problema, o administrador optou por comprar um gerador de energia a diesel que custou 21 mil reais.

“Esta não é a primeira vez que ficamos sem luz, mês passado aconteceu, na semana passada foram duas vezes. A gente liga na Enersul e eles falam que tá todo mundo em campo, que não tem funcionários e que quando chegar, que vão enviar alguém. É complicado nossa situação, o prejuízo vem em efeito dominó. Já tive que gastar com o gerador mas o pior é que essas vacas vão ficar todas doentes, vou ter que gastar com medico e veterinário e só depois de 15 a 30 dias que vamos voltar a produzir normalmente”, desabava o administrador.

Após mais de 24 horas sem energia, Luiz afirmou que foi restabelecido o serviço no final desta tarde (19), porém esta oscilando.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions