ACOMPANHE-NOS    
MAIO, SÁBADO  30    CAMPO GRANDE 17º

Direto das Ruas

Todo passageiro sentado "é lenda", reclamam usuários no 3º dia de ônibus cheios

Na manhã de hoje, foram enviados fotos e vídeos de coletivos com quantidade de pessoas acima do adequado

Por Guilherme Correia | 08/04/2020 09:14
Passageiros em pé dentro de ônibus da linha 061, trajeto Moreninhas - Shopping Campo Grande (Foto: Direto das ruas)
Passageiros em pé dentro de ônibus da linha 061, trajeto Moreninhas - Shopping Campo Grande (Foto: Direto das ruas)


Pelo segundo dia consecutivo, usuários do transporte coletivo reclamam de ônibus lotados em Campo Grande. Relatos enviados nesta manhã (8) mostram que alguns coletivos não estão adequados ao decreto publicado pela Prefeitura de Campo Grande, que estabelece transporte apenas de passageiros sentados.

Uma leitora registrou a situação que compromete o controle do coronavírus por volta das 6h da manhã, um dos primeiros horários da linha 063, enquanto se deslocava do Bairro Moreninhas até o Terminal Aero Rancho.

Quem gravou o vídeo foi Karla Silva Pereira, funcionária do HRMS (Hospital Regional de Mato Grosso do Sul), que relata que o motorista parou em todos os pontos durante o trajeto, mesmo com o ônibus já lotado. "Quando comentei com meu esposo, ele disse que ao pegar outro ônibus hoje, ele não entrou porque estava lotado".

Veja o vídeo:


Trabalho - Desde que a pandemia chegou à cidade, Karla não parou de utilizar o transporte coletivo, já que é uma profissional da saúde. Ela ressalta que faz uso do ônibus apenas para se deslocar até o hospital, e que é importante que as pessoas tentem ao máximo respeitar a quarentena.

"Preciso sair de casa por trabalhar na saúde. Mas oriento e peço ao restante da população que evite sair de casa para proteger quem amamos", diz.

Lotação na linha 114, do Bairro Paulo Coelho Machado até o Centro (Foto: Direto das ruas)
Lotação na linha 114, do Bairro Paulo Coelho Machado até o Centro (Foto: Direto das ruas)

Outro relato, enviado poucas horas depois, foi de leitora que estava em coletivo da linha 061, que saía do Terminal Guaicurus. A auxiliar de administrativo, Ana Paula Viana, não pôde parar de trabalhar.

Ela explica que o motorista até tentou impedir, mas que as pessoas não respeitaram o fato do ônibus estar cheio. "Muita gente em pé no ônibus, e teve até fiscal que viu e não fez nada", reclama.

Reforço - A informação do Consórcio Guaicurus, responsável pelo transporte público na capital, é de que "quando situações como essas forem detectadas, as linhas serão reforçadas com mais ônibus".

Direto das Ruas – A sugestão chegou ao Campo Grande News por meio do Direto das Ruas, canal de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563, pela ferramenta Fale Conosco ou por mensagem enviada via Facebook.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.