A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 22 de Maio de 2018

10/01/2008 12:57

Alta da Cesta Básica Alimentar foi de 16,19% em 2007

Redação

O índice que mede a Cesta Básica Alimentar em Campo Grande apresentou alta de 16,19% no ano passado, segundo a pesquisa da Semac (Secretaria de Estado do Meio Ambiente, das Cidades, do Planejamento da Ciência e Tecnologia). Somente no mês de dezembro, o índice teve alta de 2,27% em relação a novembro. O feijão foi o principal vilão da alta da cesta, tendo variação positiva de 20,12% somente no mês passado.

A alta do grão só não pressionou mais o valor da cesta, que foi de

R$ 178,12 em dezembro, porque outros produtos tiveram baixa, como o tomate, cujo valor caiu 9,36%. A Cesta Básica alimentar é composta por 15 produtos destinados a compensar as necessidades de um trabalhador adulto que teve de despender 103 horas e 7 minutos para adquirir os mantimentos.

Em dezembro, os produtos tiveram a seguinte variação: feijão (20,12%), alface (10,98%), banana (9,47%), óleo (4,78%) e carne (3,05%). Os produtos que apresentaram queda foram: tomate (-9,36%), batata (-6,27%), margarina (-5,70%), macarrão (-5,61%), leite (-4,80%), açúcar (-2,92%) e arroz (-2,48%). Laranja, sal e pão não tiveram seus preços alterados.

Dólar fecha em queda de 1,35% após seis altas seguidas
O dólar comercial encerrou o pregão de hoje (21) em queda de 1,35%, cotado a R$ 3,689. O resultado ocorre após seis altas consecutivas da moeda norte...
Receita Federal alerta para golpe contra tomadores de empréstimos
Um nova modalidade de golpe utilizando o nome da Receita Federal está lesando pessoas que tomam empréstimo em instituições financeiras. De acordo com...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions