ACOMPANHE-NOS    
JULHO, TERÇA  14    CAMPO GRANDE 18º

Capital

Alunos da Capital receberão 30 mil kits de merenda a partir de segunda-feira

Nesta etapa serão 10 mil kits a mais que serão doados aos alunos que estudam na rede municipal cadastrados no Bolsa Família

Por Rosana Siqueira | 05/06/2020 17:14
Na segunda-feira serão 5 mil kits entregues aos alunos da Reme (Divulgação)
Na segunda-feira serão 5 mil kits entregues aos alunos da Reme (Divulgação)

Cerca de 30 mil kits merenda serão entregues a partir de segunda-feira aos alunos beneficiários do Programa Bolsa Família da rede municipal de Campo Grande. A entrega será feita pela Secretaria Municipal de Educação (Semed). Devido ao aumento nos alunos inscritos no Programa no início do ano, nesta segunda etapa foram 10 mil a mais em relação ao montante entregue na primeira etapa.

No primeiro dia de entrega, 30 unidades da Reme, entre Escolas Municipais de Educação Infantil (EMEI’s) e escolas de Ensino Fundamental receberão os produtos. Na segunda-feira serão cinco mil kits entregues.

As escolas que receberão os produtos já estão sendo comunicadas e os pais devem aguardar o contato dos gestores das unidades, que já dispõem das listas dos alunos beneficiários do Programa e vão organizar as entregas para que não aconteça tumulto nas unidades, além de tomarem todas as medidas de higienização do espaço.

Entre as unidades que receberão os kits na segunda-feira estão duas das maiores da Reme, “Padre Tomaz Guirardelli” e “Antonio Lopes Lins”.

Como fazer - Para retirar o kit, é necessário que os pais ou responsáveis apresentem um documento original de identificação com foto e o cartão do Programa Bolsa Família.

Os pais também assinarão uma declaração de recebimento do kit, que será composto por 5 quilos de arroz, 1 quilo de feijão, 500 gramas de macarrão, 1 quilo de leite em pó, 900 ml de óleo, 400 gramas de biscoito e 340 gramas de tomate.

Os kits merenda da Reme foram elaborados para atender os alunos inscritos no Programa Bolsa Família devido a suspensão das aulas presenciais como forma de combate ao Coronavírus.