A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

03/11/2013 14:05

Campanha Nome Limpo começa nesta semana em Campo Grande

Vinícius Squinelo

A chegada do fim do ano dá sinais de aumento de consumo para grande parte da população, mas também é momento para colocar as dívidas em dia. O mês de setembro por exemplo, já apontou redução de inadimplência.

Segundo levantamento realizado pela Associação Comercial e Industrial de Campo Grande (ACICG), com base nos registros do Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC) - administrado localmente pela entidade – o índice de inadimplência apresentou 6,36%, um número abaixo do obtido em igual período de 2012, quando chegou a 9,86%.

Para analisar o perfil de quem está negativado, a ACICG realizou uma pesquisa com 300 devedores, que compareceram no balcão do SCPC no mês de outubro. O estudo constatou que a maioria (69%) aponta o desemprego como o primeiro motivo da inadimplência, seguido da causa doença em família, que levou 11% dos entrevistados a não pagarem pontualmente suas dívidas.

Grande parte (68%) das negativações do banco de dados teve origem da inadimplência de compras do comércio. A falta de pagamento do cartão de crédito foi o segundo fator apontado, representando 17% dos entrevistados.

No universo de inadimplentes pesquisados, 68% ganham salário de até R$ 678, seguido de consumidores com renda de R$ 679 a R$ 1.358. É importante ressaltar, que, do total, 59% das pessoas pretendem quitar os débitos nos próximos 30 dias.

É com o objetivo de viabilizar a negociação dos débitos inscritos no SCPC, que a Associação Comercial realiza a 8ª Campanha de Recuperação de Crédito “Nome Limpo”, de 7 de novembro a 6 de dezembro. Serão mais de 150 empresas concedendo descontos ou parcelamentos do débito ao devedor.

Segundo o presidente da ACICG, Omar Aukar, a intenção é negociar pelo menos R$ 5 milhões da dívida registrada no banco do SCPC, que hoje soma R$ 90.795.596,84. “Esse montante representa mais de 170 mil negativações e queremos regularizar cerca de 10% (1.700) disso, devolvendo o poder de compra parceladas aos consumidores para tornar o Natal de 2013 positivo para empresários e população”, afirma. Hoje o SCPC contabiliza 126.090 pessoas inadimplentes, o que representa que alguns indivíduos possuem mais que uma negativação.

Este ano, os trabalhos dos três primeiros dias da Campanha (7, 8 e 9) acontecem exclusivamente na praça Ary Coelho, durante horário comercial, sem intervalo. A abertura oficial do evento será às 9h, da próxima quinta-feira. No local estarão atendendo para negociação: Enersul, Casas Bahia, Ótica Diniz, Prefeitura (através da Semre), Débito&Crédito consultoria e educação financeira e a Caixa Econômica Federal. Para os demais estabelecimentos os clientes poderão realizar a negociação na própria empresa credora.

“Pensando em promover o crédito sustentável, trazemos outra novidade: três dias com palestra gratuita sobre planejamento financeiro que vai acontecer paralelamente aos atendimentos na praça. Na ocasião também serão entregues Cartilha do Orçamento Doméstico com orientações financeiras aos consumidores”, revela o diretor do SCPC, Renato Paniago.

Prorrogado prazo para usar FGTS em prestações atrasadas de crédito imobiliário
O prazo para os trabalhadores usarem o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para pagar parcelas atrasadas do financiamento habitacional foi p...
Dólar fecha perto de R$ 3,33, maior valor em cinco meses
Num dia de tensões no mercado de câmbio, a moeda norte-americana fechou no maior valor em quase seis meses. O dólar comercial encerrou esta terça-fei...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions