ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, DOMINGO  23    CAMPO GRANDE 27º

Economia

Com R$ 60 milhões, prazo para negociar precatórios termina terça-feira

Os descontos são de 5% a 40% sobre o valor devido e atualizado do crédito

Por Ana Paula Chuva | 28/11/2021 13:39
Quem tiver interesse em negociar, deve encaminhar pedido à Procuradoria Geral do Estado de MS (Foto/Divlgação)
Quem tiver interesse em negociar, deve encaminhar pedido à Procuradoria Geral do Estado de MS (Foto/Divlgação)

Com R$ 60 milhões disponíveis para negociação, interessados em negociar acordo direto em precatórios tem até próxima terça-feira (30) para fazer o requerimento. Esta é uma oportunidade para titulares de documentos de responsabilidade de pagamento pelo Estado, de natureza alimentar e comum, receberem os valores devidos.

Conforme o edital publicado pela PGE (Procuradoria-Geral do Estado), os descontos são sobre o valor total devido e esta é uma oportunidade para que os titulares de precatórios de responsabilidade de pagamento do Estado possam receber os valores devidos.

Quem tiver interesse em negociar, deve apresentar uma petição nos autos do precatório ou pode, de forma justificada, fazer o pedido junto à PGE no e-mail pcsp@pge.ms.gov.br. No entanto, só serão aceitos Acordos Diretos sobre o valor total do precatório de cada devedor/beneficiário.

Os descontos são de 5% a 40% sobre o valor devido e atualizado do crédito, seguindo critérios de cálculo estabelecidos considerando o valor da Uferms (Unidade Fiscal de Referência de Mato Grosso do Sul) de setembro. Ou seja, os precatórios na faixa do valor de crédito de até R$ 63.840 terão descontos de 5% e os com valor superior a R$ 532 mil a dedução será de 40%.

 Ainda de acordo com o edital, depois que a proposta for aceita pelo credor, ela será homologada e o pagamento do valor será feito pelo TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), também responsável pela efetivação do repasse dos valores necessários ao Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região, ou Tribunal Regional Federal da 3ª Região, nos processos de competência destes para quitação dos valores aos credores.

Dúvidas podem ser enviadas para a equipe da PCSP (Procuradoria de Cumprimento de Sentença e Precatórios) através do e-mail: pcsp@pge.ms.gov.br.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário