A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 19 de Outubro de 2018

29/11/2010 22:25

Comércio da Capital começa a fechar mais tarde na 4ª

Redação

O comércio de Campo Grande passa a funcionar até 20h a partir de quarta-feira (1), conforme acordo firmado hoje entre em novo horário a partir de amanhã (1º) para facilitar as compras de final de ano.

O acordo foi firmado hoje entre o SEC/CG (Sindicato dos Empregados no Comércio da Capital), Fecomércio/MS (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso do Sul) e o Sindicato do Comércio Varejista de Campo Grande.

De quarta a sábado (4), o comércio central passa a funcionar até 20h. De segunda a sábado, entre os dias 6 e 23, as vendas vão até às 22h e nos domingos (5, 12 e 19), as lojas ficarão abertas das 9h às 18h.

No dia 24, véspera de Natal, o comércio central fechará as portas às 18h e no dia 31 às 16h, com exceção dos estabelecimentos localizados nos shoppings, que prorrogarão suas atividades até as 20h, no dia 24, e até 18h, no dia 31.

Idelmar da Mota Lima, presidente do Sindicato dos Comerciários de Campo Grande, destaca que o acordo prevê ainda que nos dias 21, 22 e 23 de dezembro os estabelecimentos localizados nos shoppings cumpram horários até meia-noite, com garantia de transporte na saída dos empregados.

Lima também frisa que as horas extras até o limite de duas horas diárias, durante o mês de dezembro, sejam remuneradas com 70% sobre a remuneração normal. Caso haja necessidade, as horas trabalhadas que excederem o limite legal serão remuneradas em 100% do valor normal.

Salários - Na quarta-feira também começam a vigorar os novos pisos salariais dos comerciários. De acordo com a convenção assinada, os empregados em geral terão piso de R$ 647 (caixas), R$ 663 (comissionados), R$ 738 (auxiliar de comércio), R$ 593 (office boy) e R$ 540 (serviços gerais).

Dólar sobe 1% e fecha quinta-feira cotado acima dos R$ 3,70
O dólar fechou a quinta-feira (18) cotado acima dos R$ 3,70. A moeda subiu 1,16%, atingindo R$ 3,7250. O Índice Bovespa (Bolsa de Valores de São Paul...
Loja terá que pagar indenização por colocar nome de consumidor no SPC e Serasa
Os desembargadores da 5ª Câmara Cível negaram recurso da rede de varejo Casas Bahia contra sentença que a condenou ao pagamento de R$ 7 mil por danos...
Justiça condena empresa telefônica por bloquear linha de cliente
Os desembargadores da 3ª Câmara Cível negaram recurso da companhia telefônica Tim, condenada em primeiro grau a pagar R$ 8 mil a um morador de Três L...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions