A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

09/02/2009 13:22

Concessão de crédito está próxima de antes da crise

Redação

As concessões de crédito livre, sem destinação especificada, estão próximas do nível anterior ao agravamento da crise financeira internacional. A afirmação é do presidente do BC (Banco Central), Henrique Meirelles, que participou hoje (9) do IV Encontro de Lideranças, organizado pelo Confea (Conselho Federal Engenheira, Arquitetura e Agronomia).

Segundo dados do BC, em janeiro deste ano, as concessões de crédito aumentaram 1,1% em relação a setembro de 2008, quando houve o agravamento da crise financeira internacional.

"Com a normalização, é importante que os preços do crédito caiam", ressaltou Meirelles. Ele acrescentou que bancos públicos têm papel importante para essa redução.

Mas Meirelles defendeu que é necessário ter paciência para esperar todos os efeitos das medidas adotadas pelo governo para conter os efeitos da crise financeira internacional no Brasil.

"Temos que ser um pouco paciência, um pouco de serenidade para que, de um lado, possamos atuar com rapidez e com rigor e, por outro, temos que olhar a situação com serenidade, visando a esperarmos os desdobramentos de todas as medidas que estão sendo tomadas."

Meirelles acrescentou não se deve ficar "preso" a movimentos de curto prazo. "Há movimentos importantes de curto prazo, de ajustes de estoque que podem fazer que se propague uma certa atitude na economia que não é muito saudáve.l"

Segundo Meirelles, os três canais de transmissão da crise para o Brasil são a redução do crédito, o comércio internacional e as expectativas.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions