A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Julho de 2018

29/01/2018 18:34

Contribuintes de MS pagaram R$ 7,6 bilhões em tributos à União em 2017

Valor é 7,8% maior que o de 2016; alta foi impulsionada por tributação de combustíveis

Osvaldo Júnior
Por dia, o governo federal arrecadou R$ 20 milhões em MS (Foto: Divulgação)Por dia, o governo federal arrecadou R$ 20 milhões em MS (Foto: Divulgação)

Com o aumento da carga tributária sobre os combustíveis, entre outros fatores, o governo federal elevou em 7% a arrecadação em Mato Grosso do Sul no ano passado, totalizando R$ 7,67 bilhões. Em 2016, o montante foi de R$ 7,11 bilhões. A variação é mais que o dobro da inflação acumulada no mesmo período, de 2,95%. Em termos absolutos, os contribuintes do Estado destinaram aos cofres federais R$ 559,92 milhões a mais em 2017 que no ano anterior.

Por dia, os sul-mato-grossenses pagaram a média de R$ 21 milhões ao governo federal em 2017. O valor médio diário do ano anterior foi de R$ 19,4 milhões. Conforme a Receita Federal, um dos fatores que contribuiu, de modo mais acentuado, com o resultado foi o aumento do PIS (Programa de Integração Social) e da Cofins (Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social) sobre os combustíveis.

Também se destaca no fomento da arrecadação federal o Pert (Programa Especial de Regularização Tributária), também conhecido como Novo Refis.

Com o crescimento acentuado da receita tributária e a variação modesta dos preços, a variação da arrecadação ficou muito acima do avanço inflacionário. O IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), calculado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) acumulou alta de 2,95% durante o ano passado.

Em Mato Grosso do Sul, a receita com o IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) foi a que mais cresceu: 20%, de R$ 85,37 milhões para R$ 102,64 milhões.

Outras altas consideráveis foram as dos seguintes tributos: PIS/Pasep, 9,53%, de R$ 316,67 milhões para R$ 346,91 milhões ; ITR (Imposto Territorial Rural), 8,39%, de R$ 195,341 milhões para R$ 211,82 milhões); Imposto de Renda, 5,8%, de R$ 1,596 bilhão para R$ 1,690 bilhão; e Receitas previdenciárias, 4,77%, de R$ 3,28 bilhões para R$ 3,44 bilhões.

Arrecadação federal encerra 2017 com o primeiro crescimento real em quatro anos
Beneficiada pelo início da recuperação da economia e por medidas como o aumento de tributos sobre combustíveis, a arrecadação federal encerrou 2017 c...
Orçamento prevê crescimento de R$ 66,5 bilhões em despesas obrigatórias
Publicado hoje (3) no Diário Oficial da União, o Orçamento Geral da União de 2018 prevê um crescimento de R$ 66,5 bilhões nas despesas obrigatórias e...
Receita Federal vai monitorar 43 mil pessoas e empresas em 2018
Em 2018, aproximadamente 43 mil contribuintes, entre pessoas físicas e jurídicas, serão monitorados de forma especial pela Receita Federal. Duas port...
Relatório aponta déficit previdenciário de R$ 110 mil para cada jovem
Cada jovem brasileiro deveria R$ 110,3 mil para a Previdência Social e para a Previdência dos servidores públicos caso o déficit dos dois regimes fos...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions