A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 22 de Novembro de 2017

27/05/2017 16:47

Edição 2017 de feirão de imóveis já tem mais procura que no ano passado

De acordo com os organizadores, a liberação do FGTS deu um ânimo a mais aos clientes e movimento este ano surpreendeu

Lucas Junot e Renata Volpe Haddad
O movimento este ano surpreendeu os organizadores (Foto: Renata Volpe Haddad)O movimento este ano surpreendeu os organizadores (Foto: Renata Volpe Haddad)

O movimento no segundo dia do Feirão de Imóveis no Shopping Norte Sul Plaza, já superou o da edição anterior. Neste sábado, a grande maioria dos campo-grandenses está em busca da casa própria e a expectativa é que até amanhã (28), cerca de R$ 120 milhões em contratos sejam assinados.

De acordo com Bernardo Lima, coordenador comercial da MRV, o atendimento cresceu 40% em relação ao ano passado. Para ele, este ano os clientes estão mais seguros e contam com o saldo das contas inativas do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço). “Só hoje seis análises foram aprovadas e as pessoas saíram com contrato assinado”, conta.

Organizadora do evento, Elaine Batista faz o feirão desde 2008 e conta que o stand da MRV atendeu ontem (26) mais de 400 pessoas e ao todo, contando todos os estandes, as negociações alcançaram  R$ 20 milhões em contratos. “Este ano o movimento surpreendeu. A grande procura é a casa própria e esperamos atender cinco mil pessoas até amanhã”, disse.

Iara Fátima de Moraes, 56 anos, auxiliar de enfermagem mudou-se de Corumbá para Campo Grande há nove meses e ainda mora de aluguel. “Quero uma casa na região do Jardim Seminário, mas importante mesmo é sair do aluguel”, declara.

Desde 1995 morando na casa da avó, Ana Maria Rodrigues, de 32 anos e Nelk Fábio Bruno, de 41, querem realizar um sonho antigo, independente da região da cidade. Eles procuram imóvel até R$ 110 mil. “O importante é ter nossa casa própria que é um sonho antigo e hoje, aproveitando o feirão, viemos consultar os preços de várias empresas”, explica.

Ana Chalega Penha, encarregada de limpeza, de 31 anos, soube pelo Campo Grande News que o feirão aconteceria hoje. Ela já tem casa própria, mas quer investir em um segundo imóvel.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions