A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

27/10/2010 15:02

Empresários de MS querem exportar mais ao Paraguai

Redação

Depois da assinatura do protocolo de intenções entre Brasil e Paraguai, empresários de Mato Grosso que desejam estreitar laços com o comércio paraguaio participaram nesta tarde de uma rodada de negócios promovida pela Fiems (Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul) com representantes do país vizinho.

No encontro realizado na sede da Fiems, empresários de MS apresentaram seus produtos em uma espécie de show room que contou com pães, café, doces, chocolates, produtos naturais, calçados e tijolos, todos interessados em estabelecer uma relação bilateral.

Ocupando o 20° lugar na lista de países para os quais MS exporta, o Paraguai demonstrou que tem intenção de subir no ranking. Mas, deixou claro que pretende também aumentar as exportações para o Estado.

Embaixador do Brasil no Paraguai, Eduardo dos Santos elenca os pontos que facilitam o comércio entre os dois países. "Hoje o Paraguai tem uma fronteira aberta com MS. Então podemos aumentar o comercio e o investimentos nos dois lugares", defende.

Segundo ele, os pontos que aproximariam as relações comerciais dos dois países são a Rota Bioceânica que prevê ligar o Atlântico ao Pacífico passando por MS, as discussões para construção de uma ponte ligando Porto Murtinho a Carmelo Peralta, para facilitar o escoamento da produção, e a binacional Itaipu.

Crescimento - Com um ritmo de crescimento de 10% ao ano, o Paraguai tem investido em infra-estrutura e defende que o comércio de Pedro Juan é apenas uma parte do país, que é o quarto maior exportador mundial de soja.

Ministro da Indústria e Comércio do país, Francisco Rivas reforça que há energia abundante para a instalação de indústrias, proveniente da Itaipu. Outro ponto ressaltado por ele é de que o país tem água doce também em abundância.

Entre as empresas de MS que já investem no comércio daquele país estão indústrias do setor de cimento e alumínio. "O Paraguai conhece com muita propriedade as potencialidades de MS. O Estado e o país podem construir uma sociedade de colaboração e de melhores relações comerciais", defende o ministro.

O empresário João Camargo, que tem uma indústria de calçados em Campo Grande, é um dos que têm interesse na aproximação com o país vizinho. "Investir no Paraguai é muito bom. Estamos enxergando essa oportunidade por conta da logística", explica.

Intenções - O governador André Puccinelli assinou nesta manhã um protocolo de intenções para promover o intercâmbio de negócios entre empresas de MS com as empresas paraguaias.

Os parceiros irão promover apoio à expansão e diversificação das exportações, principalmente de pequenas e médias empresas.

Confaz aprova incentivos fiscais concedidos pelo Governo de MS
O Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária) aprovou a convalidação de todos os incentivos fiscais concedidos pelo Governo do Estado em Mato G...
Consumidor terá 30 dias para contratar serviço de esgoto antes de ser multado
Será apresentado às 9h de segunda-feira (18) um termo de parceria entre o Procon-MS (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor de Mato ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions