A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 19 de Outubro de 2018

19/11/2008 15:52

Enersul tem um dos piores índices de aprovação do País

Redação

O IASC (Índice Aneel de Satisfação do Consumidor), divulgado pela Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) neste mês, indica queda considerável no índice de satisfação do consumidor em relação aos serviços prestados pela Enersul. A empresa alcançou a pontuação mais baixa dos últimos 8 anos, quando a pesquisa começou a ser feita. Das 64 concessionárias avaliadas no País, a empresa ficou em 54º lugar.

Em uma escala crescente de 0 a 100, que mede a percepção dos consumidores quanto ao desempenho da empresa, o percentual caiu de 61,47 para 53,61, quase oito pontos a menos. O último ano foi marcado por denúncias, pedidos de ressarcimentos, investigação por estelionato e crime contra a economia popular.

Um dos reflexos pode ser o desempenho fraco, que fica entre ruim e regular, conforme pontuação da pesquisa. Foi um dos piores índices do país. Na região Centro-Oeste, a Enersul superou apenas a Cemat, do Mato Grosso ( 51,77), administrada pelo Grupo Rede Energias, que recentemente assumiu também a Enersul.

A companhia que fornece energia ao Estado também ficou abaixo da média regional, de 57, 21 e teve pontuação bem menor que a média nacional, de 64,15.

A Enersul chegou a atingir índice de 67,54 há seis anos. Em relação a 2007, quase todas as concessionárias tiveram queda na avaliação dos consumidores na região Centro-Oeste. Neste ano, a catarinense Iguaçu Distribuidora de Energia Elétrica foi a empresa que, na opinião de seus clientes, prestou os melhores serviços.

A avaliação foi feita em grupo que engloba as concessionárias que atendem mais de 30 mil unidades consumidoras. Em Mato Grosso do Sul, 320 pessoas foram entrevistadas e puderam opinar sobre qualidade dos serviços, acesso à empresa, facilidade em receber informações, preço e atendimento.

Os questionários foram aplicados em Campo Grande, Dourados, Corumbá, Paranaíba, Nova Andradina, Ivinhema, Ribas do Rio Pardo, Angélica, Rio Negro e Caracol.

Dólar fecha em queda, cotado a R$ 3,71, de olho no cenário eleitoral
O dólar fechou a sexta-feira (19) em queda com o mercado ainda acompanhando o cenário eleitoral. A moeda caiu 0,26%, vendida a R$ 3,7125. Na semana, ...
Preço da gasolina cai 2% nas refinarias a partir de amanhã
A Petrobras anunciou hoje (19), em sua página na internet, que o preço do litro da gasolina ficará 2% mais barato em média nas refinarias de todo o p...
Índice que reajusta aluguel acumula inflação de 10,88% em 12 meses
O Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M), usado no reajuste de contratos de aluguel, subiu 0,97% na segunda prévia de outubro. A taxa é inferior ao 1...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions