A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 20 de Outubro de 2018

30/11/2009 17:20

Enquanto prefeituras antecipam 13º, outras não tem caixa

Redação

A obrigação de pagar o 13º salário movimenta as prefeituras do Estado neste começo de mês. A renda extra, tão esperada, será adiantada em alguns municípios, mas em outros locais não há sequer dinheiro em caixa. A situação mostra como cada prefeitura enfrentou a crise deste ano, provocada pela queda nos repasses constitucionais.

O governo estadual anunciou que fará o pagamento no dia 15 de dezembro, que somado aos salários do mês dos servidores, significam R$ 250 milhões na economia.

Enquanto em Dourados o 13º será pago em 20 de dezembro, em parcela única, a administração de Coxim, diz que ainda não tem o dinheiro em caixa, mas garante que até o dia 22 depositará o montante nas contas dos servidores.

Em Rio Negro, parte dos servidores não recebe salários desde julho deste ano. A prefeitura acumula três folhas em atraso, "quem dirá o 13º", conta servidor do município.

Na capital, supostamente, será no dia 20 de dezembro o pagamento, mas não há confirmação da secretária de finanças.

O município de Amambai adiantou o pagamento de novembro e também, o 13º que será pago nesta terça-feira. Corumbá também adiantou sua folha e paga o salário extra no dia 18, em parcela única e o salário de dezembro em 29 de dezembro.

Empresas

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions