A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Junho de 2018

16/03/2012 13:04

Estado realiza encontro para facilitar a conquista de recursos para o turismo

Wendell Reis

Encontro tem o objetivo de reunir empresários e instituições para acabar com problemas encontrados na liberação de recursos

Nilde Brun destacou que o encontro é realizado para resolver problemas entre os empresários e as instituições financeiras(Foto: divulgação/Rachid Waqued)Nilde Brun destacou que o encontro é realizado para resolver problemas entre os empresários e as instituições financeiras(Foto: divulgação/Rachid Waqued)

A Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul, em parceria com a Superintendência do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco), realizam nesta sexta-feira (16) em Campo Grande o primeiro encontro para tratar da divulgação da Linha de Financiamento de Desenvolvimento do Turismo Regional – Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO).

O governador André Puccinelli (PMDB) declarou que o turismo é visto no Estado como um importante pilar econômico e financeiro para a economia. Ele avaliou que faltava rubrica orçamentária, recursos financeiros e conhecimento, mas acredita que é possível dar conhecimento para prover o setor de mais recursos. “Indústria sem chaminé. Sem poluição. Para que vejam as belezas de nosso Mato Grosso do Sul e divulguem para o mundo”.

O superintendente da Sudeco, Marcelo Dourado, destacou a importância do evento para o turismo, ressaltando que o encontro reúne secretários de quatro estados. Dourado garantiu que a linha está mais ágil, com taxa de juros e burocracia menor.

Segundo Dourado, estão disponíveis quase meio bilhão para o Centro-Oeste. Os investimentos são garantidos, principalmente, por conta da realização da Copa do Mundo e Olimpíadas. A verba é destinada para melhorar toda a cadeia de turismo, que envolve gastronomia, mobilidade urbana e até a reforma de centros de convenções .

“O Mato Grosso do Sul tem belezas fantásticas e o que falta é uma infraestrutura para mostrar que pode ser um dos grandes destinos nacionais e mundiais. O céu é o limite. Pode ter acesso até a R$ 90 milhões e em casos excepcionais, estender a R$ 200 milhões. O recurso existe e a gente está aqui para dizer ao empresário que o momento é este”.

A secretária de Turismo, Nilde Brun, explicou que o evento tem o objetivo de fazer com que o empresário tenha acesso ao crédito com facilidade, estabelecendo um elo entre a instituição e o empresário, para que possam, definitivamente, um ouvir o outro e, a partir daí, fazer os recursos serem injetados na economia de Mato Grosso do Sul.

No ano passado, apenas 36% dos recursos foram liberados e muitos empresários alegam que a baixa está na burocracia. O governador André Puccinelli defendeu a redução de garantias, que chega a 130%, e um tempo menor de análise dos processos para ampliar a liberação.

O presidente da Associação Brasileira das Locadoras de Automóveis (ABLA), Marco Antônio Lemos, lembrou que os programas carecem de adaptação para facilitar o acesso. Ele explica que trabalha com locação de automóveis e o investimento, a exemplo, não pode ser utilizado para compra de automóveis, o que considera um erro, visto que os carros compõem o capital de giro. “Uma mudança poderia ajudar”, sugeriu.

O deputado Junior Mochi (PMDB) declarou que é preciso mais investimentos no turismo do País. Ele explicou que o Brasil é enorme e com grande potencial, mas ainda recebe muito menos turistas do que alguns países da Europa. Por isso, defende uma parceria maior com o Trade Turístico para ampliar o setor.

Brasil deixou de arrecadar R$ 354,7 bi com renúncias fiscais em 2017
Com meta de déficit primário de R$ 159 bilhões neste ano e com um teto de gastos pelas próximas duas décadas, o governo teria melhores condições de s...
Prazo para atualizar versão da Nota Fiscal Eletrônica termina no próximo dia 2
O prazo para atualizar a versão da Nota Fiscal Eletrônica termina no dia 2 de julho. A migração da versão do arquivo XML deve ser feita rapidamente p...
FCO já liberou R$ 892 milhões em recursos de janeiro a maio em MS
Mato Grosso do Sul aumentou em 139% as contratações de créditos pelo FCO (Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste) entre os cinco prime...
Pobres do país levam nove gerações para alcançar renda média, diz OCDE
Relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) estima que, no Brasil, podem ser necessárias nove gerações para criança...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions