ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, DOMINGO  21    CAMPO GRANDE 23º

Economia

Fábrica de móveis recebe licença ambiental para investir R$ 300 mi em MS

Priscilla Peres | 22/05/2015 17:45
Representantes da empresa e do Estado se reuniram nesta tarde. (Foto: Marco Miatelo)
Representantes da empresa e do Estado se reuniram nesta tarde. (Foto: Marco Miatelo)

A fábrica de móveis do grupo Asperbras recebeu hoje do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), licença prévia para se instalar em Água Clara - distante 198 km da Capital. A empresa pretende investir mais de R$ 300 milhões, para a partir de 2017, fabricar 200 mil metros cúbicos de placas de fibra de madeira de média densidade (MDF e MDP).

Em 20 dias começam as obras no Estado e a indústria deve gerar em média 200 empregos diretos na primeira etapa e no ápice de sua produção, aproximadamente 700 funcionários vão trabalhar na obra. Para que isso fosse possível, a empresa recebeu incetivos fiscais do governo do Estado.

“É um projeto grande que abrange desde o reflorestamento, o aproveitamento da madeira, geração de energia elétrica para chegar numa etapa que pode transformar a cidade de Água Clara num polo moveleiro, onde fábricas de móveis vão disputar espaço pela matéria-prima que vai estar aqui da região”, destacou o sócio-proprietário da Asperbras, Francisco Colnaghe.

O deputado estadual Marcio Fernandes intermediou em 2013, as primeiras negociações junto à secretária de produção e turismo, à época Tereza Cristina, hoje deputada federal e, entusiasmado, celebra a concretização do projeto. “Tive a oportunidade de solicitar uma audiência com a secretária, mobilizei o prefeito e todos os vereadores de Água Clara e solicitamos um empreendimento para potencializar o município. Os empresários ficaram atraídos pela logística e vocação econômica da cidade".

O prefeito de Água Clara, Silas José, adianta que existe um planejamento em infraestrutura e qualificação profissional para ser executado à medida que as obras começarem. “Estamos com um planejamento de melhorias para as rodovias estaduais, estradas vicinais e vamos firmar convênio para qualificar mão-de-obra que atenda as necessidades do grupo Asperbras”, comemora o prefeito.

Nos siga no Google Notícias