A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

24/02/2012 09:28

Feriados podem tirar R$ 308 milhões da indústria de MS este ano, diz pesquisa

Fernando da Mata

O estudo traz o custo econômico dos feriados para o setor em todo o Brasil ao longo deste ano

Indústria terá pouco mais de 102 dias para produzir este ano (Foto: Divulgação/Fiems)Indústria terá pouco mais de 102 dias para produzir este ano (Foto: Divulgação/Fiems)

O setor industrial de Mato Grosso do Sul pode deixar de faturar R$ 308 milhões este ano por conta dos feriados nacionais, estaduais e municipais. Informação consta na pesquisa “O Custo Econômico dos Feriados”, realizada pelo Sistema Indústria em 26 estados.

Em âmbito nacional, de acordo com a sondagem, os prejuízos devem chegar a R$ 44,9 bilhões, o que representa até 4,4% do PIB Industrial brasileiro.

Ao longo deste ano, serão dez feriados nacionais, um estadual e 43 municipais. Para o presidente da Fiems (Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul), Sérgio Longen, essas comemorações colocam em risco a competitividade do setor industrial estadual e brasileiro.

“Se tirarmos dos 365 dias todos esses feriados, além dos 147 dias que trabalhamos por ano apenas para pagar impostos, sobram pouco mais de 102 dias para produzirmos. Dessa forma fica difícil competir”, avaliou.

A paralisação excessiva da atividade econômica gerada pelo excesso de feriados será ainda maior em 2012 porque muitos feriados ocorrerão nas terças e quintas-feiras, originando pontos facultativos ou a prática costumeira de “enforcamentos”.

O estudo aponta ainda uma solução para reduzir os custos da paralisação: adiantar para as segundas-feiras os feriados que caírem nos demais dias da semana, conforme destaca o projeto de Lei Federal nº 2.257, de 2011, com exceção dos feriados de Confraternização Universal (1º de janeiro), Independência (7 de setembro) e Natal (25 de dezembro).



E o custo social que os feriados proporcionam em forma de descanso, lazer, quebra de rotina e menos stresse para o trabalhador? Esses são fatores que deveriam entrar como receita nas empresas, pois nada como um feriado para melhorar os animos e voltarmos com toda energia para o trabalho. Feriado não é prejuízo é lucro social.
 
Solange J. Fernandes em 24/02/2012 12:12:22
FERIADO PREJUDICA AS INDUSTRIA REALMENTE DEIXAM DE FATURAR E FATURAR MUITO, MAS O POBRE DO TRABALHADOR COM ESTE SALARIO DE MISÉRIA MESMO TRABALHANDO DIA E NOITE NÃO CONSEGUE TER UMA VIDA DECENTE, SALARIO MINIMO DO DIESE SERIA DE R$ 2.500,00 REAIS, O POVO GOSTA DE TRABALHA ELE SÓ NÃO GANHA.AO CONTRARIO DOS POLITICOS QUE NÃO TRABALHAM E GANHAM. QUEM TRABALHA MUITO NÃO TEM TEMPO DE GANHAR DINHEIRO.
 
josé carlos marani em 24/02/2012 12:10:09
Esses empresários so pensam em LUCRO mesmo, e o trabalhador que se lasque, tem + e que ter feriado mesmo. Se o trabalho duro fosse valorizado o quanto ele é não precisaria nenhuma pessoa trabalhar feito louco, as pessoas irião trabalhar espontâneamente, se bem que tem os vagabundos mesmo e não querem nada com a dureza.....Ai quem realmente trabalha não tem o vlr que merece.
 
jose carlos em 24/02/2012 10:02:04
Bom, quando o setor industrial analisa os prejuizos dos feriados, só olham para o lado deles! Vamos analisar que são nos feriados prolongados que os trabalhadores relaxam com suas familias e assim diminuem o stress do dia a dia! Agora, quando se trata de feriados como dia das mães, dos pais e dos namorados, entre outros, o comércio adora as vendas, e até transformam o dia em semana e mês das mães.
 
Marcelo Ferreira em 24/02/2012 09:54:07
Alguém tem que fazer alguma coisa com relação a esses feriados, é muito feriado!!!
Exemplo: O Brasil fica parado de Dezembro até começo de março por conta do final de ano, ferias é carnaval, começando pelo belo exemplo que os nosso deputados estaduais que receberão R$ 60.000,00 de salário em dezembro, R$ 20.000,00 e só voltar atrabalhar agora, é Brasil a cultura de ganhar muito e trabalhar pouco.
 
Paulo Sérgio em 24/02/2012 09:47:01
Para o Sr. Sérgio Longen, o povo brasileiro ganha muito e trabalha pouco!
 
Márcio Santos em 24/02/2012 05:13:54
Não podemos falar que feriado provoca prejuízo, pois o setor do turismo principalmente os pequenos sobrevivem dos feriados e empregam bastante gente.
 
Ronaldo Batista em 24/02/2012 02:54:16
eles so pensam em ganhar....sao ricos, deixam o povo trabalhando e vao curtir a folga deles...patrao fala que nao gosta de feriado...mas é o primeiro a sair pra se divertir, o que eles nao gostam é de ver o funcionario deles bem.acham que so eles tem direitos....vao ter que engolir os feriados....
 
keli regina em 24/02/2012 01:22:00
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions