A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

28/02/2008 08:45

Fiems quer bancada contra ato que dificulta demissões

Redação

Alegando que as mudanças podem provocar demissões em massa e falências generalizadas, a Fiems (Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul) pede que a bancada federal se posicione contra a convenção 158 da OIT (Organização Internacional do Trabalho), que restringe as regras para a demissão de trabalhadores da iniciativa privada sem justa causa.  

O tema veio à tona quando o Governo Federal enviou a Convenção 158 ao Congresso Nacional para ratificação. O presidente em exercício da Fiems, Alonso Resende do Nascimento, argumenta que adoção dessa convenção, que é de 1982, só se justifica para os países que não têm mecanismos de proteção ao trabalhador, como a multa de 40% sobre o FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) em caso de demissão sem justa causa.

Idec alerta para tentativa de fraudes após acordo sobre planos econômicos
Pouco mais de 48 horas depois de oficializada a assinatura do acordo entre a Advocacia-Geral da União (AGU), representantes de bancos e associações d...
Dólar fecha no maior valor em 5 meses após adiamento da reforma da Previdência
Em um dia de tensões no mercado de câmbio, o dólar fechou no maior valor em quase seis meses. O dólar comercial encerrou esta quinta-feira (14) vendi...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions