A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 23 de Outubro de 2017

14/11/2014 10:09

Gestão de André deixa 5 projetos com investimento de R$ 10,9 bilhões

Caroline Maldonado e Leonardo Rocha
Equipes se reuniram hoje na Seprotur (Foto: Leonardo Rocha)Equipes se reuniram hoje na Seprotur (Foto: Leonardo Rocha)
Governador deixa megaprojetos de investimentos para o sucessor (Foto: Alcides Neto)Governador deixa megaprojetos de investimentos para o sucessor (Foto: Alcides Neto)

Os grupos do governador eleito Reinaldo Azambuja (PSDB) e da atual administração, que integram a equipe de transição, reuniram-se nesta manhã na Seprotur (Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário, da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo). O secretário da pasta, Paulo Angel, informou que estão sendo entregues ao novo governo projetos de implantação de indústrias, que totalizam investimento de R$ 10,9 bilhões (com base na cotação do dólar de hoje, a R$ 2,63) em municípios do Estado.

São cinco indústrias em fase de implantação, nas áreas de produção de etanol, esmagamento de soja, celulose, laminados e compensado de madeira. Segundo Paulo, a reunião foi realizada para abordar os principais projetos que estão em andamento na secretaria.

O secretário destacou a captação de investimentos para industrialização no Estado, desenvolvimento das cadeias produtivas, como fortalecimento da cultura de leite, pisciultura, suíno cultura e outros. “Temos ainda o trabalho no turismo do Estado, a mineração que é fundamental, principalmente a transformação de ferro em aço, assim como as cadeias de cana-de-açúcar, carne bovina, floresta e outras demais produções como celulose”, detalhou.

Na ocasião, Paulo Angel disse que é favorável a divisão da Seprotur em duas secretarias, conforme anunciou Reinaldo. “Essa questão vai ser resolvida pelo próximo governador. A nossa equipe só vai fornecer as informações, mas na minha opinião se dividir essa secretaria vai otimizar o trabalho, inclusive fluindo melhor, já que dentro da Seprotur estão os principais setores da economia do Estado”, opinou.

Investimentos – O secretário informou na reunião detalhes sobre a implantação da indústria de esmagamento de milho para produção de etanol, cuja pedra fundamental foi lançada em Chapadão do Sul, 321 quilômetros de Campo Grande. Nesse empreendimento são investidos US$ 300 milhões de dólares pela BioUrja do Brasil Agroindústria.

Outra indústria do mesmo setor já está em processo de implantação em Maracaju, a 160 quilômetros de Campo Grande. Empresários chineses da BBCA Group investem mais de US$ 320 milhões de dólares, em uma fábrica que deverá gerar pelo menos 400 empregos diretos. A construção da obra ficará pronta em fevereiro de 2015, conforme previsto pelos empresários e terá capacidade para consumir 1,2 milhão de toneladas de grãos, o equivalente a toda a produção de milho do município, que gira na faixa de um milhão de tonelada.

Na Capital, foi lançada no dia dois de junho deste ano a pedra fundamental da fábrica de proteínas de soja da empresa norte-americana ADM (Archer Daniels Midland Company), com investimento de US$ 250 milhões. A ADM é uma das maiores empresas de agronegócio do mundo. Os empresários anunciaram, em março, que o novo complexo será instalado junto à unidade produtora de óleos vegetais que funciona há seis anos na Capital, gerando cerca de 80 empregos diretos.

O secretário destacou ainda a implantação da indústria de celulose em Ribas do Rio Pardo, a 103 quilômetros de Campo Grande. Com investimento de R$ 8 bilhões, a fábrica de uma multinacional chilena, a Arauco Celulose, deve consolidar Mato Grosso do Sul como “vale da celulose”, somando-se as duas em funcionamento, Fibria e Eldorado, que produzem 2,8 milhões de toneladas por ano em Três Lagoas.

Outro investimento é da indústria de laminados e MDF em Água Clara, a 198 quilômetros de Campo Grande. Serão investidos US$ 250 milhões pelo grupo Asperbras, considerando o investimento no plantio de floresta e na instalação da fábrica, com geração de 200 empregos diretos e 200 indiretos.

Da equipe do governador eleito participaram da reunião de transição Carlos Alberto Assis, Filipe Matos, Ademar Silva, Marcelo Miglioli, João Bosco Martis e Athayde Neri. Do grupo do governador André Puccinelli, participaram a coordenadora Thie Higushe, Nelson Tshushima e restante da equipe da Seprotur.

Governador participa do lançamento da nova fábrica de proteínas de soja
O governador André Puccinelli participa nesta segunda -feira (2) de junho, às 9h, da solenidade de lançamento da pedra fundamental da fábrica de prot...
Bolsa cai e cotação do dólar fecha no maior valor em mais de três meses
Em um dia de tensão no mercado financeiro, a Bolsa de Valores de São Paulo caiu, e o dólar norte-americano fechou no maior valor em mais de três mese...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions