A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 18 de Outubro de 2018

18/02/2010 08:12

Gigantes do etanol se unem e ativam usina em Costa Rica

Redação

A união da ETH Bioenergia, do Grupo Odebrecht, com a Brenco (Companhia Brasileira de Energia Renovável), vai possibilitar a ativação de uma usina em Costa Rica, em 2011.

Um acordo será formalizado amanhã para a criação de uma "joint venture" (associação de empresas), que será a maior produtora de etanol de cana-de-açúcar do mundo.

A ETH, controlada pela Odebrecht juntamente com a trading japonesa Sojitz, que possui 33% das ações, tem cinco usinas, três das quais entraram em operação em 2009.

A Usina Rio Claro, em Goiás, a Usina Santa Luzia I, em Mato Grosso do Sul (Nova Alvorada do Sul) e a Conquista do Pontal, em São Paulo, iniciaram suas operações no segundo semestre de 2009 com capacidade de moagem de 3 milhões de toneladas de cana cada uma.

A ETH também comprou duas outras usinas: a Eldorado e a Alcídia, que processam 2,1 milhões a 2,4 milhões de toneladas, respectivamente.

As usinas da ETH já estão operando. Já a Brenco ainda não tem usinas em operação. A expectativa é de que a primeira usina, a Morro Vermelho, em Goiás, inicie o processamento ainda este ano.

A Usina de Alto Taquari, em Mato Grosso, poderá entrar em operação até o final deste ano, e as outras duas, Costa Rica, em Mato Grosso do Sul, e Água Emendada, em Goiás, apenas em 2011.

Todas possuem capacidade de moagem de 3,8 milhões de toneladas de cana cada.

Juntas, as companhias produzirão 3 bilhões de litros de etanol por ano e 2.500 gigawatts-hora (GWh) por ano de energia elétrica a partir da biomassa.

Unidade Costa Rica

Loja terá que pagar indenização por colocar nome de consumidor no SPC e Serasa
Os desembargadores da 5ª Câmara Cível negaram recurso da rede de varejo Casas Bahia contra sentença que a condenou ao pagamento de R$ 7 mil por danos...
Justiça condena empresa telefônica por bloquear linha de cliente
Os desembargadores da 3ª Câmara Cível negaram recurso da companhia telefônica Tim, condenada em primeiro grau a pagar R$ 8 mil a um morador de Três L...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions