A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 21 de Outubro de 2018

09/07/2009 06:57

Governo mantém índices de participação no rateio do ICMS

Redação

O Diário Oficial do Estado desta quinta-feira traz os índices provisórios para fins de rateio do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) que ficaram praticamente mantidos nas principais cidades do Estado.

Isso porque a economia do Estado desacelerou no ano da crise mundial, conforme apurado pelos técnicos do governo. Aos índices ainda cabe recurso dos municípios.

No ano passado o valor movimentado na economia dos 78 municípios foi apurado em R$ 30 bilhões contra R$ 29,6 bilhões em 2007.

Comparando os índices provisórios com os definitivos, para este exercício, houve pouca variação nos maiores municípios. Em Campo Grande, por exemplo, passa de 23,5428% a 23,6072%. O valor adicionado à economia da Capital foi de R$ 8.101.714.995,89 contra R$ 8.038.203.954,34.

Em Dourados o índice provisório é de 6,0820% contra 6,0786%. A cidade movimentou em 2008 montante de R$ 2.037.182.139,65 contra R$ 2.198.388.187,17 no ano anterior.

Para Corumbá o índice ficou em 8,2343 % contra 7,9311%. O valor adicionado à economia da cidade foi de R$ 2.470.598.183,29 em 2008 ao passo que em 2007 foram R$ 2.949.296.279,73.

A cidade de Três Lagoas tem índice provisório de participação no bolo do ICMS de 4,8291% contra 4,789% neste ano. São R$ 1.750.771.757,61 movimentados em 12 meses frente R$ 1.641.315.294,57 em 2007.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions