A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

31/10/2013 08:20

MS tem capacidade para ser estado mais competitivo do CO, diz governador

Vinícius Squinelo

O governador André Puccinelli (PMDB) afirmou que Mato Grosso do Sul tem plena capacidade de se tornar o Estado mais competitivo no Centro-Oeste, desbancando Mato Grosso, Goiás e Distrito Federal. A base do crescimento, segundo o governador, são os estudos e investimentos na área de logística.

“É uma série de projetos em rodovias, ferrovias e hidrovias, o que pode tornar MS o Estado mais competitivo no Centro-Oeste”, comentou Puccinelli, em entrevista ao Bom Dia MS, da TV Morena, na manhã desta quinta-feira (31).

Para governador, a posição sul-mato-grossense será sustentada pelo mercado asiático. “Estudos mostraram que nosso Estado é o mais beneficiado com a abertura de uma saída pelo pacífico”, argumentou.

Puccinelli ainda destacou o investimento em hidrovias. Segundo ele, novas indústrias estão se instalando em Maracaju, o que aumenta o interesse na revitalização no porto de Porto Murtinho, além de investimentos em toda a hidrovia do Rio Paraguai.

Rodovias – Principal rodovia que cruza Mato Grosso do Sul, a BR-163 deve ser licitada em meados de dezembro. O governador disse confiar no Governo Federal, responsável pela obra, que deve demorar cinco anos para ficar pronta.
“Nossos estudos mostraram que a BR-163 pode ter o pedágio mais barato do Brasil”, defendeu.

O governador destacou ainda a inclusão de duas ferrovias, que passam por MS, mas obras do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento).

Propostas –André Puccinelli afirmou, anteriormente, que se Mato Grosso do Sul tivesse obtido investimento nos seus 12 principais projetos logísticos prioritários o investimento chegaria a R$ 36 bilhões. As 12 mais importantes obras para o Estado, segundo ele, integram o rol de 308 projetos do “Centro-Oeste Competitivo”, apresentado em Brasília, pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e Confederação Nacional da Agricultura (CNA).

Dentre os 12 projetos prioritários para Mato Grosso do Sul, conforme André, alguns já foram realizados com recursos próprios. São projetos de infraestrutura ferroviária, rodoviária, hidroviária, portuária e aeroportuária, cinco setores mais importantes para fazer com que os produtos sejam mais competitivos para o Estado, tanto para consumo quanto exportação, na avaliação do governador.

Defendeu, porém, que seria importante a implementação das Parcerias Público Privadas no Estado, as PPPs.

Os limites do “desculpe, seu score está baixo”
Imagine a seguinte situação. Você está navegando em uma grande loja de comércio eletrônico e escolhe um novo celular para compra. Na hora do pagament...
Confaz aprova incentivos fiscais concedidos pelo Governo de MS
O Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária) aprovou a convalidação de todos os incentivos fiscais concedidos pelo Governo do Estado em Mato G...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions