A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 22 de Novembro de 2017

10/05/2017 17:03

Na busca de abrir negócio próprio, 500 procuram atendimento na Capital

Semana do MEI é realizada até sexta-feira em 15 municípios de MS

Osvaldo Junior
Atendimento do Sebrae-MS na Praça Ary Coelho (Divulgação)Atendimento do Sebrae-MS na Praça Ary Coelho (Divulgação)

Na tentativa de amenizar os impactos da retração econômica através da abertura de negócio próprio, cerca de 500 pessoas procuraram atendimento na Semana do MEI (Microempreendedor Individual) na Capital desde segunda-feira. O evento, que ocorre até sexta-feira (dia 12) na Praça Ary Coelho, é iniciativa do Sebrae-MS. No total, 15 municípios do Estado realizam atividades relativas à Semana.

“Fizemos em torno de 500 atendimentos desde segunda-feira”, estimou Ricardo Santos, analista do Sebrae/MS. “Muitas pessoas, que ficaram desamparadas no mercado e que encontram dificuldade para voltar a trabalhar, decidem abrir negócio próprio e se tornar um MEI”, disse.

Entre as pessoas que buscam melhorar a renda através de iniciativa empreendedora, está a cozinheira Sônia Regina Mendes, 46 anos. Ela aposta na culinária norte-americana para conseguir rendimento extra no centro de Campo Grande. “Vou fazer brownies [doce de chocolate] e cookies [biscoitos] recheados. Esse vai ser meu diferencial: eles serão recheados. Vai ter recheio de nutela, brigadeiro, beijinho”, conta, entusiasmada, já fazendo propaganda de seu futuro negócio.

Rose já fez todos os cálculos. Investiu R$ 1,7 mil no carrinho, adquirido em parcelas via cartão de crédito; e destinou R$ 1,2 mil na compra dos ingredientes. Vendendo seus doces a R$ 3,00 a unidade, ela estima que levará 12 meses para cobrir os investimentos iniciais. “Vou começar a lucrar mesmo só depois de um ano”, projetou.

Procura – Além de buscar informações para iniciar algum negócio, muitos procuram explicações sobre como regularizar a situação de MEI, conforme contou Ricardo Santos. Embora as parcelas mensais sejam relativamente baixas – 47,85 (comércio ou indústria), R$ 51,85 (prestação de serviços) ou R$ 52,85 (comércio e serviços) –, há os que encontram dificuldade para fazer os pagamentos.

Outro tipo de demanda, conforme Santos, diz respeito a dúvidas sobre declaração anual de MEI, que se encerra no dia 31 deste mês.

Semana – Durante a Semana do MEI, estão sendo realizadas diversas ações, como palestras e oficinas. As atividades são gratuitas e ocorrem das 8h às 17h. Também há orientações online, por meio do “Fale com um Especialista”; e Papos de Negócio e Facebook Live, disponíveis mediante cadastro no Portal do Sebrae. A expectativa é atender a 3 mil pessoas em MS; metade delas na capital.

São parceiros da Semana do MEI no estado: Associações Comerciais, Prefeituras Municipais/ Salas do Empreendedor, Amems, Agenfa, Corpo de Bombeiros, Sescon/MS, Receita Federal, IMAM, INSS, Senac/MS, instituições bancárias e cooperativas de crédito.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions