A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 27 de Julho de 2017

28/06/2017 10:22

População é pega de surpresa na entrevista para fazer o passaporte

Renata Volpe Haddad
No Posto de Expedição de Passaporte, não há aviso sobre a não emissão dos passaportes. (Foto: Direto das Ruas)No Posto de Expedição de Passaporte, não há aviso sobre a não emissão dos passaportes. (Foto: Direto das Ruas)

A maioria das pessoas que tem entrevista agendada nesta manhã (28) na Polícia Federal para solicitar o passaporte, se assusta ao descobrir que a emissão do documento esta suspensa desde a noite de ontem. Apesar disso, o agendamento e entrevista estão sendo feitos normalmente.

A PF anunciou a suspensão na noite de ontem (27) alegando insuficiência de orçamento. Afirma que não há data para que as atividades de controle migratório e emissão de documentos de viagem voltem a ser confeccionados.

Maria Lúcia Carlon, 59, compareceu no Posto de Expedição de Passaporte da PF antes das 9h e não sabia que a emissão foi suspensa. "Estou querendo ir para Barcelona em agosto, e os policiais estão informando que quando voltar a emitir os documentos, eles entrarão em contato, mas todo o procedimento está sendo realizado", afirma.

Um rapaz que não quis se identificar, tem viagem marcada para Londres em setembro e também foi pego de surpresa ao saber que os passaportes não estão sendo emitidos. "Eles precisam dar um jeito porque tenho viagem marcada".

Outro jovem que também não se identificou, afirmou que viaja em outubro para os Estados Unidos. "Na entrevista fiquei sabendo que eles tinham suspendido a emissão dos passaportes. A gente fica preocupado porque já tá com a viagem marcada, hotel pago, mas vou esperar a situação normalizar", alega.

Segundo o anúncio da Polícia Federal, o agendamento online do serviço e o atendimento nos postos da PF continuarão funcionando normalmente. No entanto, não há previsão para entrega dos passaportes solicitados, enquanto não for normalizada a situação orçamentária.

Quem foi atendido até ontem (27), receberá os passaportes normalmente. Para emitir um passaporte, é preciso pagar uma taxa de R$ 257,25 correspondente à emissão do documento. No caso de passaportes de emergência, a taxa sobe para R$ 334,42.

Emergência - Neste período de suspensão, somente serão emitidos os passaportes de emergência, ou seja, para situações que necessitem do documento de viagem e não possam comprovadamente esperar o prazo normal de confecção e entrega do passaporte, como motivos de saúde, trabalho ou catástrofes naturais, por exemplo. Não é permitida a emissão de passaporte de emergência para viagens a turismo, conforme informações do G1.

Temer prorroga prazo de saque do FGTS inativo em casos especiais
O presidente Michel Temer prorrogou a data limite para saque das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) nos casos em que o b...
Dólar fecha de novo em baixa após banco central dos EUA manter juros
O dólar aprofundou as perdas nesta tarde de quarta-feira, 26, após a decisão de política monetária do Federal Reserve (Fed), que ressaltou em comunic...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions