ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, SÁBADO  06    CAMPO GRANDE 18º

Economia

Primeiro lote do IR paga R$ 26,9 milhões a 11,2 mil contribuintes de MS

Pagamento será feito no dia 29 de maio, mas os contribuintes já podem fazer a consulta da restituição

Por Leonardo Rocha | 22/05/2020 11:22
Delegacia da Receita Federal em Campo Grande (Foto: Divulgação - Receita Federal)
Delegacia da Receita Federal em Campo Grande (Foto: Divulgação - Receita Federal)

O primeiro lote de IR (Imposto de Renda) de 2020 vai pagar R$ 26, 9 milhões a 11.217 contribuintes de Mato Grosso do Sul. A consulta sobre a restituição do imposto de renda começou hoje (22), seguindo o novo cronograma definido pela Receita Federal.

Serão 8.671 contribuintes da Delegacia da Receita Federal em Campo Grande, o que equivale a R$ R$21.321.671,59. Já na Delegacia de Dourados são mais 2,6 mil declarações, que chegam ao valor de R$ 5.594.125,63. Mato Grosso do Sul contabiliza a soma das duas delegacias.

A consulta para este primeiro lote está disponível desde às 8h (horário de MS), sendo que o pagamento será feito no dia 29 de maio, com o último lote previsto para 30 de setembro deste ano. Em 2019 as restituições foram mais tarde, iniciando em 17 de junho até 16 de dezembro.

Mudança - Segundo a Receita Federal, este é o primeiro lote de restituição que começa o pagamento, antes do prazo final da entrega da declaração, que teve sua devida alteração em função da pandemia do coronavírus no Brasil.

Neste ano também teve a redução do número de lotes, de 7 para 5, terminando assim em setembro. Outra mudança é em relação ao pagamento que antes ocorria no dia 15 de cada mês e agora será realizado no último dia útil do mês.

O pagamento deste primeiro lote  para 901.077 contribuintes, no dia 29 de maio, chega ao valor de R$ 2 bilhões. Agora se contempla contribuintes com prioridade, entre eles idosos acima de 80 anos, pessoas de 60 a 79 anos, ou aqueles que possuem alguma deficiência física ou mental.