A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 22 de Maio de 2018

09/10/2017 19:15

Prodes começa com nove beneficiados e investimento de R$ 40 milhões

Nyelder Rodrigues
Marquinhos sancionou lei que beneficia empresas e prevê contrapartida com investimentos (Foto: Divulgação/PMCG)Marquinhos sancionou lei que beneficia empresas e prevê contrapartida com investimentos (Foto: Divulgação/PMCG)

Foi sancionado nesta segunda-feira (9) pelo prefeito Marquinhos Trad (PSD) o Prodes (Programa de Incentivos para o Desenvolvimento Econômico e Social), que prevê incentivos fiscais a empresas que se comprometam a realizar investimentos na Capital, gerando consequentemente emprego e renda.

Nove empresas locais integram o projeto inicialmente, que prevê a injeção de aproximadamente R$ 40 milhões em investimentos no setor produtivo de Campo Grande.

Além de Marquinhos, a vice-prefeita Adriane Lopes, o chefe da Sedesc (Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia), Luiz Fernando Buainain, e empresários, participaram do evento.

Durante a assinatura, o prefeito destacou a parceria com os vereadores de Campo Grande e a confiança dos empresários na administração municipal. "Com bons tratos e honestidade com o patrimônio público, nós garantimos este sucesso que vai gerar mais de 300 empregos para nossa Capital".

Já Buainain destaca o trabalho do Codecom (Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico) na analise e aprovação dos projetos antes de serem apreciados e aprovados pelos vereadores de Campo Grande.

"Também quero parabenizar os empresários e os consultores que não mediram esforços para aprovação dos projetos. Entre estes nove empresários, alguns com mais de cinco anos estavam a espera desta sanção da lei", afirma.

O diretor da Royal FIC Distribuidora de Petróleo, Carlos Augusto, é um dos que comemora a possibilidade de aumentar a produção. "Nós estamos trabalhando há três anos e temos a oportunidade de triplicar nossa empresa, o que será muito bom para Campo Grande e o Mato Grosso do Sul", finaliza.

Além da Royal FIC, a lista de empresas que integram o Prodes conta com a Cold Line Indústria e Comércio de Equipamentos e Frigoríficos, Clínica de Cirurgia de Olhos 15 de Novembro, Comércio de Papel Buracão, Brasil Telecom Call Center, Fonte Pura Comércio de Purificadores de Água, SLC Serviços em Segurança do Trabalho, Petpax Crematorium e Toalheiro MS.

Dólar fecha em queda de 1,35% após seis altas seguidas
O dólar comercial encerrou o pregão de hoje (21) em queda de 1,35%, cotado a R$ 3,689. O resultado ocorre após seis altas consecutivas da moeda norte...
Receita Federal alerta para golpe contra tomadores de empréstimos
Um nova modalidade de golpe utilizando o nome da Receita Federal está lesando pessoas que tomam empréstimo em instituições financeiras. De acordo com...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions