A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

24/03/2011 11:26

Puccinelli diz que foi orientado a não dar reajuste salarial acima de 0%

Aline dos Santos e Ítalo Milhomen

O governador André Puccinelli (PMDB) afirmou hoje que a orientação do conselho fiscal e contábil é que o reajuste neste ano para os servidores estaduais não seja acima de 0%. Porém, salienta que ainda tenta dar o aumento para repor a inflação.

“O conselho fiscal e contábil disse ‘você não tem dinheiro para dar aumento acima de 0%’. O conselho de secretários disse isso porque orçamentariamente lá na frente não teríamos recursos para governar”, afirmou o governador, que participar de evento na Governadoria.

Ontem, houve reunião do secretariado, mas o governador não participou porque estava no Rio de Janeiro.

O IPCA-E (Índice de Preços ao Consumidor Amplo Especial) está acumulado em 6,08%. Porém, Puccinelli não informou que índice pretende aplicar.

Em 2007, quando o governador assumiu o comando do Estado, os salários dos servidores ficaram congelados.

Prejuízo - As chuvas do início do ano quebraram a supersafra de soja e o governador já havia anunciado cortes de gastos nas secretarias e previsão de “vagas magras” nas finanças.

Na região do Pantanal, a pecuária amarga prejuízo de R$ 190 milhões. No campo, a quebra da safra trouxe perda superior a R$ 1 bilhão.

No ano passado, o aumento salarial dos servidores variou entre 5% e 11,77%, com impacto de R$ 8 milhões na folha de pagamento. Válido para este ano, o governo concedeu reajuste de 6% aos professores.

Reajuste de servidores estaduais vai somente repor inflação
O reajuste salarial para os servidores estaduais deve somente repor a inflação acumulada entre maio de 2010 e 2011, sem ganho real. O IPCA-E (Índice ...
Confaz aprova incentivos fiscais concedidos pelo Governo de MS
O Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária) aprovou a convalidação de todos os incentivos fiscais concedidos pelo Governo do Estado em Mato G...
Consumidor terá 30 dias para contratar serviço de esgoto antes de ser multado
Será apresentado às 9h de segunda-feira (18) um termo de parceria entre o Procon-MS (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor de Mato ...


Faço a mesma pergunta que o Sr. Paulo:
ENTÃO ISSO SIGNIFICA QUE OS DEPUTADOS TERAO QUE DEVOLVER OS + DE 60% DE AUMENTO ???????
 
Rosana Padilha em 05/04/2011 08:13:34
Isso reflete a mais pura DESIGUALDADE com que são tratados os servidores públicos no Brasil. Deputados, senadores, desembargadores, juízes, prefeitos e governadores têm sempre aumentos vultosos (60%, ou coisa desse tipo). O resto, tem que se contentar com o reajuste da inflação (6%), que, por sinal, não reflete a realidade (veja de quanto foi o aumento do preço da comida e do combustível). Isso só reforça o argumento de que esse sistema político está FALIDO. Não vivemos em uma democracia. Poucos endinheirados governam para si e legislam em causa própria. O povo fica à mercê dessa ARISTOCRACIA que só defende os interesses dos mais ricos e poderosos. Não teremos avanço nenhum sem realizar uma verdadeira REFORMA POLÍTICA que garanta a participação democrática e popular. Isso sem falar na reforma do judiciário e na reforma tributária (com a instituição do IGF - Imposto sobre Grandes Fortunas). Chega de desigualdade e injustiça!!!
 
Gilberto Ramos em 24/03/2011 04:55:32
O GOVERNADOR JÁ QUE NÃO VAI DAR AUMENTO , PODERIA AO MENOS LIBERAR O FUNCIONALISMO PÚBLICO QUE FAÇA EMPRÉSTIMO EM OUTROS BANCOS, ACABANDO COM A EXCLUSIVIDADE DO BANCO DO BRASIL, POIS A GRANDE MAIORIA DO FUNCIONALISMO TEM RESTRIÇÃO E NÃO PODEM FAZER EMPRÉSTIMO CONSIGNADO.
 
MARCOS ROBERTO em 24/03/2011 04:43:08
Então caro Paulo, seria incrivelmente fantástico os nossos parlamentares pensarem no povo e no funcionalismo pelo menos uma vez, e deixar de encher seus bolsos tão rapidamente, acumulando fortunas em apenas um mandato. Mas a realidade não é essa! Pobre do povo. E viva a democracia!
Desde que o Pantanal é Pantanal morre boi afogado lá. E isso não muda tão cedo. A soja de tão boa que é já contamina leite humano. E viva o desenvolvimento!!
 
alexandre ferro em 24/03/2011 04:31:56
por que será que apenas os funcionários administrativos tem que sofrer esse tipo de represália. eles também também despesas com familia, transporte, aluguel,luz, água.etc.
Deus aonde vamos parar?
 
joana baroméia em 24/03/2011 04:31:14
atençao funcionarios publicos, esta na hora de uma greve geraaaaaaaaallllllll
 
jose bruno em 24/03/2011 04:11:22
Cada um tem que fazer o seu trabalho, o trabalho do servidor é fazer cumprir suas atribuições, o do governador é governar, não é problema do servidor a falta de arrecadação, as enchentes e etc., quem deve se preucupar com isso é o governador que foi eleito para tal, o servidor cumpre seu papel e deve receber aumento justo, pois todo ano é a mesma coisa, não se pode dar aumento por causa disso, por causa daquilo, se continuar assim daqui uns dias o servidor é vai ter que pedir dinheiro pro governo federal em nome do governador
 
Luis Soto em 24/03/2011 03:35:17
ENTÃO ISSO SIGNIFICA QUE OS DEPUTADOS TERAO QUE DEVOLVER OS + DE 60% DE AUMENTO ???????
 
Paulo Ciltrão em 24/03/2011 02:54:11
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions