A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Maio de 2018

17/04/2018 11:50

Saiba o que fazer se não recebeu o boleto para pagar a taxa do lixo

Prefeitura afirma que já enviou carnês para contribuintes; primeiro vencimento é em 20 de abril

Mayara Bueno
Reprodução do portal para consultar a taxa de lixo. (Foto: Reprodução Internet).Reprodução do portal para consultar a taxa de lixo. (Foto: Reprodução Internet).

A prefeitura de Campo Grande informou que já enviou para todos contribuintes os boletos da 'nova' taxa do lixo. O primeiro vencimento é 20 de abril e o tributo ainda pode ser parcelado em nove vezes.

Contudo, o contribuinte que ainda não recebeu o carnê pode acessar o site www.campogrande.ms.gov.br/taxadolixo para obter o documento.

De acordo com a assessoria de comunicação, também há contribuintes que não receberam "provavelmente" porque fazem parte do grupo que pediu a restituição do valor da 'antiga' taxa de lixo, paga no início do ano com o IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano).

Neste caso, o pedido ainda pode estar tramitando na secretaria de Finanças de Campo Grande. "Nestes casos não houve emissão do boleto", explica a prefeitura.

Já os que efetuaram o pagamento anterior, mas não pediram a restituição no prazo determinado, vai receber em suas casas um aviso de crédito.

Neste documento, o Executivo municipal informa quanto foi pago a título da taxa "errada", quanto está sendo abatido para quitação da 'nova' taxa e quanto ficará de crédito para 2019.

Informações - No portal disponibilizado pela prefeitura, o contribuinte pode emitir o carnê com as parcelas e a segunda via da taxa de lixo. Basta informar o número da inscrição municipal.

Também é possível ter conhecimento da tabela utilizada para o cálculo do imposto, além do mapa do perfil socioeconômico imobiliário.

'Nova' taxa - A prefeitura precisou recalcular o tributo, a título de coleta de lixo, depois que centenas de contribuintes questionaram os altos valores impostos no início do ano.

Após suspender a cobrança questionada, o município abriu prazo para as pessoas pedirem a restituição, ao mesmo tempo em que começou o novo cálculo. Com as mudanças, 86% dos contribuintes vão pagar entre R$ 20 e R$ 200 pela coleta.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions