A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 25 de Junho de 2017

22/12/2016 09:27

Temer anuncia que juros do cartão de crédito serão reduzidos pela metade

Renata Volpe Haddad
Temer anunciou nesta manhã (22) que juros do rotativo do cartão de crédito será reduzido pela metade. (Foto: Marcos Corrêa/PR)Temer anunciou nesta manhã (22) que juros do rotativo do cartão de crédito será reduzido pela metade. (Foto: Marcos Corrêa/PR)

O presidente Michel Temer (PMDB) anunciou na manhã desta quinta-feira (22) que os juros do rotativo do cartão de crédito, serão "reduzidos pela metade". As taxas estão entre as mais altas do mercado.

Segundo o site de notícias UOL, há uma semana, o presidente já havia afirmado que o governo estava estudando formas de baixar os juros do cartão, mas ainda não havia anunciado o tamanho do corte esperado.

Em novembro, a taxa do cartão de crédito chegou a 459,53% ao ano, segundo pesquisa da Anefac (Associação Nacional de Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade).

Os juros do rotativo do cartão de crédito são cobrados quando o cliente não paga o valor total da fatura. Atualmente, o cliente tem a opção de pagar o valor mínimo da fatura, 15% da conta, e deixar o saldo restante para o próximo mês. Esse procedimento é chamado de crédito rotativo.

Essa operação, ao lado do uso do cheque especial, envolve a cobrança dos juros mais altos do mercado. Por esse motivo, deve ser sempre evitada. Os juros são definidos pela instituição financeira e cobrados sobre a quantia que deixou de ser paga.

Pauta positiva - O Governo Federal vem anunciando propostas para tentar estimular a economia e tirar o país da crise. Muitas dessas medidas ainda estão em estudo e não têm prazo determinado para entrar em vigor.

O desempenho da economia continuou ruim no segundo semestre deste ano, o que colocou em xeque o otimismo visto com a mudança de governo.

O anúncio de medidas consideradas positivas também acontece num momento em que o governo tenta reverter um desgaste de imagem, após a cúpula do Palácio do Planalto, incluindo o próprio presidente, ter sido citada em delação premiada da Odebrecht, no âmbito da operação Lava Jato.

Para especialistas, o "minipacote" divulgado na semana passada é "positivo, mas não resolve". A principal crítica é que as propostas não têm relação entre si, parecem um "catadão de medidas", e devem ter quase nenhum impacto na retomada da economia.

 

O fim do rotativo do cartão de crédito: sobre lobos protegendo cordeiros
Acordei esses dias com uma notícia bombástica na Folha de São Paulo. Ela registrou que os bancos desejam acabar com o rotativo do cartão de crédito. ...
Estelionatários clonam cartão de crédito de mulher e gastam R$ 14 mil
Uma mulher de 39 anos procurou o Garras (Delegacia de Repressão a Roubos em Bancos, Assaltos e Sequestros) da Capital, na tarde deste sábado (14) par...
Dicas para renegociar dívida no cartão de crédito
É raro encontrar uma pessoa que não tenha, pelo menos, um cartão de crédito na carteira, pois ele torna o pagamento mais fácil, seguro e cômodo. Uma ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions