ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, QUARTA  19    CAMPO GRANDE 29º

Economia

Tomate e batata estão mais baratos na Capital; preço do leite é o vilão da vez

Verificamos preços em atacadistas e comparamos com os valores praticados no mês passado

Liana Feitosa | 14/07/2022 14:06
Tomate está entre os itens que ficaram mais baratos de junho para julho. (Foto: Liana Feitosa)
Tomate está entre os itens que ficaram mais baratos de junho para julho. (Foto: Liana Feitosa)

O Campo Grande News percorreu supermercados atacadistas da Capital para conferir o preço de itens básicos neste início do mês e comparar com a realidade encontrada no dia 8 de junho, nesta matéria aqui. A maior variação foi registrada no valor da batata e do tomate, que caíram de preço e ficaram ligeiramente mais baratos. No entanto, preço do leite está até R$ 3,00 mais caro.

Em junho, o quilo do tomate salada custava R$ 6,99  no supermercado mais barato visitado pelo Campo Grande News, chegando a custar R$ 8,90. Agora, o item custa R$ 4,98 no estabelecimento mais em conta, custando, no máximo, R$ 4,99.

Na comparação com junho, o quilo do tomate, em julho, está R$ 2,01 mais barato. A batata lavada também caiu de preço e está R$ 1,49 mais barata na comparação com o mês passado. O valor mais barato deste produto em junho foi de R$ 5,99, chegando a custar R$ 7,99. Agora, o quilo da batata custa R$ 4,50 no atacadista mais barato, podendo ser adquirido por até R$ 4,98.

Apesar desses alimentos estarem mais baratos na comparação com o mês passado, eles subiram de preço nos últimos 10 dias. No dia 4 de julho, esta reportagem encontrou batata a R$ 2,99 o quilo no Atacadão da Avenida Costa e Silva e, o tomate, a R$ 3,99 no Fort Atacadista da Avenida Três Barras (veja a matéria aqui).

Veja os valores:

Preços de itens básicos levantados em atacadistas da Capital; em vermelho estão os valores mais baixos encontrados.
Preços de itens básicos levantados em atacadistas da Capital; em vermelho estão os valores mais baixos encontrados.


Outro item que tem apresentado variação de preço considerável, para cima, é o leite. Ontem a informação era de que o produto na versão integral já é encontrado por até R$ 7,79 em atacadistas da cidade. Em supermercados varejistas, dependendo da marca do leite, o custo da caixinha pode chegar a R$ 8,49 (veja a matéria aqui). Na comparação com junho, quando o leite integral de caixinha podia ser adquiro por menos de R$ 7,00, agora está custando quase R$ 8,00.

As opções mais em conta são os leites desnatados e semidesnatados, e os leites de saquinho, que podem ser até R$ 3,00 mais baratos que o leite de caixinha. No quadro abaixo é possível conferir as opções de leite integral, semidesnatado e desnatado mais baratos encontrados nos atacadistas Fort, Assaí e Atacadão. No entanto, é importante ressaltar que os produtos listados podem esgotar rapidamente das gôndolas dos atacadistas, principalmente os itens que estão com preço mais baixo.

Confira a tabela com preços do leite:

Preços do leite levantados em atacadistas da Capital.
Preços do leite levantados em atacadistas da Capital.

 

Nos siga no Google Notícias